Práticas locais em clínica e educação: compromissos com a atual América

  • Ana Luisa Teixeira de Menezes Universidade Federal do Rio Grande do Sul
  • Viviane Fernades Silveira Universidade de Santa Cruz do Sul
Palavras-chave: América. Psicanálise. Educação. Psicologia clínica.

Resumo

A experiência de 12 anos de contato e de pesquisa com os Guarani1, através de pesquisas acerca da dança Guarani2, além dos estudos “Infâncias e educação Guarani”3 e “Pensamento originário e mestiço: caminhos decoloniais na formação acadêmica da educação e da psicologia”4, tem oportunizado que se pense o lugar da atual América, os trabalhos clínicos, de educação em diálogo com a ciência moderna, tendo em vista o projeto científico no campo da psicologia e da educação que evidenciam as práticas locais. Por meio da obra de Rodolfo Kusch, propõe-se uma intersecção, desde um ponto de vista situado não apenas geograficamente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Luisa Teixeira de Menezes, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Doutora em educação - UFRGS

Professora do departamento de Psicologia e do Mestrado e doutorado do Programa em educação da UNISC.

Viviane Fernades Silveira, Universidade de Santa Cruz do Sul
Psicanalista, doutora em educação, pós-doutoranda pela UNISC e UNTREF, bolsista PNPD-CAPES. Trabalho ligado ao tema dos povos originários, pensamento descolonial, educação profissional e práticas profissionais na atual América.

Referências

ARIAS, Patricio. Corazonar la dimensión política de la espiritualidad y la dimensión espiritual de la política. Revista de Ciências Humanas Sociales y Educación. Universidad Politécnica Salesiana del Equador. Quito,v. 10, p. 21-39, janeiro-junho de 2011.

BERGAMASCHI, Maria Aparecida; MENEZES, Ana Luisa Teixeira de. Educação ameríndia: a dança e a escola ameríndia. 2. ed. Santa Cruz do Sul: EDUNISC, 2015. [1. ed.: 2009].

BERGÈS, Jean; BALBO, Gabriel. O jogo de posições mãe-criança. Ensaio sobre o transitivismo. Porto Alegre: CMC, 2002.

CAMPBELL, Joseph. O poder do mito. São Paulo: Palas Athena, 1990.

JECUPÉ, Kaká Werá. Todas as vezes que dissemos adeus. São Paulo: Triom, 2002.

JUNG, Carl Gustave. Os arquétipos e o inconsciente coletivo. 5. ed. Tradução Maria Luiza Appy e Dora Mariana R. Ferreira da Silva. Petrópolis, RJ: Vozes, 2007.

JUNG, Carl Gustave. A vida simbólica: escritos diversos. 18/1. 5. ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2011.

JUNG, Carl. Gustave. Aion – estudo sobre o simbolismo do

si-mesmo. Tradução de Dom Mateus Ramalho Rocha. 10. ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2013.

KUSCH, Rodolfo. América profunda. Córdoba: Editorial Fundación Ross, 2000.

KUSCH, Rodolfo. Obras completas. Rosário: Fundacion Ross, 2006.

LACAN, Jacques. Seminário 1. Os escritos técnicos de Freud. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1996.

LACAN, Jacques. Seminário 3. As psicoses. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1988.

LITTLE, Paul E. Conhecimentos tradicionais para o século XXI: etnografias da intercientificidade. São Paulo: Annablume, 2010.

MENEZES, Ana Luisa Teixeira de; RICHTER, Sandra Regina Simonis. Infância e educação Guarani: para não esquecer a palavra. Revista Tellus, Campo Grande, n. 26, p. 101-118, out. 2014.

MENEZES, Ana Luisa Teixeira; RICHTER, Sandra Regina Simonis; SILVEIRA, Viviane Fernandes et al. Nhandereko Kue Kyringue’í Reko Rã – nossa história para as crianças. Porto Alegre: Imprensa Livre, 2015.

MIGNOLO, Walter D. Os esplendores e as misérias da “ciência”: colonialidade, geopolítica do conhecimento e pluriversalidade epistêmica. In: SANTOS, Boaventura de Sousa (org.). Conhecimento prudente para uma vida decente: um discurso sobre as ciências revisitado. São Paulo: Cortez, 2006.

POTY, Vherá; CHRISTIDIS, Danilo. Os Guarani Mbyá. Porto Alegre: Wences Design Criativo, 2015.

SANTOS, Boaventura de Sousa. Um ocidente não ocidentalista. A filosofia à venda, a douta ignorância e a aposta de Pascal. In: SANTOS, Boaventura de Sousa (org.). Conhecimento prudente para uma vida decente: um discurso sobre as ciências revisitado. São Paulo: Cortez, 2010.

RIBEIRO, Darcy. O povo brasileiro. A formação e o sentido do Brasil. Rio de Janeiro: Cia. das Letras, 1995.

ROSSI, Alejandro. Maestria em créación musical, nuevas tecnologias y artes tradicionales. Seminário Geocultura del gesto creador. Buenos Aires: UNTREF; 2014 (comunicação oral).

TASAT, José Alejandro. El hedor en el pensamoento de Rodolfo Kusch. In: TASAT, José Alejandro; PÉREZ, Juan Pablo (Orgs.). El hedor de América. Reflexiones interdisciplinarias a 50 años de la América profunda de Rodolfo Kusch. Ciudad Autônoma de Buenos Aires: Ediciones del CCC, 2013.

Publicado
2016-09-12
Como Citar
de Menezes, A. L. T., & Silveira, V. F. (2016). Práticas locais em clínica e educação: compromissos com a atual América. Educação, 39(2), 271-280. https://doi.org/10.15448/1981-2582.2016.2.22918
Seção
Artigos