População infantil e adolescente nas ruas: principais temas de pesquisa no Brasil

Irene Rizzini, Renata Mena Brasil do Couto

Resumo


Crianças e adolescentes em situação de rua tornaram-se um fenômeno comum para aqueles que circulam pelas áreas centrais das grandes cidades brasileiras. Embora essa seja uma questão social complexa, ela ainda é marcada pela invisibilidade na agenda política nacional. Este artigo visa contribuir para o aprofundamento do debate contemporâneo sobre o tema, analisando-o em suas múltiplas dimensões, a partir do levantamento da produção acadêmica nacional sobre população infantil e adolescente em situação de rua, publicada entre 2000 e 2015. As autoras destacam importantes aspectos abordados por pesquisadores de todo o país, muitos dos quais questionam as tipificações e as crenças que homogeneizavam este grupo, contribuindo para a compreensão dos aspectos culturais e históricos que caracterizam esses sujeitos. Estes estudos abordam, ainda, a importância fundamental das políticas públicas, assinalando que, embora a responsabilidade do estado sobre esta população esteja prevista em uma série de instrumentos legais e planos governamentais, os direitos de crianças e adolescentes em situação de rua ainda carecem de priorização, efetivação e monitoramento para que façam alguma diferença em suas vidas.


Palavras-chave


Crianças e adolescentes; Situação de rua; Pesquisas brasileiras.

Texto completo:

PDF

Referências


ALVES, Paola; KOLLER, Silvia; SILVA, Aline; SANTOS, Clarisse; SILVA, Milena; REPPOLD, Caroline; PRADE, Luciano. Atividades cotidianas de crianças em situação de rua. Psicologia: teoria e pesquisa, v. 18, n. 3, p. 305-313, 2002 10.1590/S0102-37722002000300010.

ARPINI, Dorian; GONÇALVES, Camila. Drogas e álcool na relação com a violência: o olhar de adolescentes em situação de rua. Psico, v. 42, n. 4, p. 442-449, 2011.

ARPINI, Dorian; QUINTANA, Alberto; GONÇALVES, Camila. Relações familiares e violência em adolescentes em situação de rua. Psicologia Argumento, v. 28, n. 63, p. 325-336, 2010.

BOTELHO, Adriana; SILVA, Samantha; KASSAB, Marina; LEITE, Ligia. Meninos de rua: desafiliados em busca de saúde mental. Psicologia em Estudo, v. 13, n. 2, p. 361-370, 2008.

BRANDÃO, Beatriz. O Estado nas margens e as margens do Estado: ações políticas para meninos em condição de rua usuários de crack. Publicatio UEPG, v. 21, n. 2, p. 173-180, 2013 10.5212/PublicatioCi.Soc.v.21i2.0004.

BRASIL. Diretrizes nacionais para o atendimento a crianças e adolescentes em situação de rua. Brasília: Conanda; SNDCA/MDH; CNER, 2017

primeirainfancia.org.br/wp-content/uploads/2017/08/0344c7_4fe2ba1cd6854b649d45d71a6517f80d.pdf (26 dez. 2018).

CARINHANHA, Joana. Violência vivenciada pelas adolescentes em situação de rua: bases para o cuidado de enfermagem pela cidadania. Rio de Janeiro: UerJ, 2009. Dissertação de mestrado em Enfermagem.

CERQUEIRA-SANTOS, Elder; KOLLER, Silvia; PILZ, Christian; DIAS, Daniela; WAGNER, Flávia. Concepções de policiais sobre crianças em situação de rua: um estudo sobre preconceito. PsicoUSF, v. 11, n. 2, p. 249-256, 2006 10.1590/S1413-82712006000200013.

CIRINO, Daniele; ALBERTO, Maria de Fátima. Uso de drogas entre trabalhadores precoces na atividade de malabares. Psicologia em Estudo, v. 14, n. 3, p. 547-555, 2009.

CLARO, Heloísa. OLIVEIRA, Maria Aparecida; RIBEIRO, Anna Paula; FERNANDES, Caty; CRUZ, Alexandre; SANTOS, Eva. Perfil e padrão de uso de crack de crianças e adolescentes em situação de rua: uma revisão integrativa. Smad – Revista eletrônica saúde mental, álcool e drogas. v. 10, n. 1, p. 35-41, 2014 10.11606/issn.1806-6976.v10i1p35-41.

CONCEIÇÃO, Maria Inês; SUDBRACK, Maria Fátima O. Estudo sociométrico de uma instituição alternativa para crianças e adolescentes em situação de rua: construindo uma proposta pedagógica. Psicologia: reflexão e crítica, v. 17, n. 2, p. 277-286, 2004 10.1590/S0102-79722004000200015.

CRUZ, Maria Núbia; ASSUNÇÃO, Ada. Estrutura e organização do trabalho infantil em situação de rua em Belo Horizonte, MG, Brasil. Saúde e Sociedade, v. 17, n. 1, p. 131-142, 2008 10.1590/S0104-12902008000100012.

ESTIVALET, Anelise. Os sem-lugar: uma análise de trajetórias de jovens que vivem nas ruas de Porto Alegre. Revista EGP, 2010.

FERREIRA, Frederico; NOGUEIRA JR., Reginaldo; COSTA, Bruno. Determinantes da escolarização de crianças e adolescentes em situação de rua no estado de Minas Gerais. Ensaio: avaliação e políticas públicas em educação, v. 18, n. 68, p. 465-488, 2010 10.1590/S0104-40362010000300004.

FERREIRA, Vanda; LITTIG, Patrícia; VESCOVI, Renata. Crianças e adolescentes abrigados: perspectiva de futuro após situação de rua. Psicologia & Sociedade, v. 26, p.165-174, 2014 10.1590/S0102-71822014000100018.

GODINHO, Josiane. A escola de quem não tem escola: os desafios da escolarização para jovens em situação de rua. Porto Alegre: Pucrs, 2015. Dissertação de mestrado em Educação.

LEAL, Eduardo Martinelli. “Da porta para fora”: a constituição de um problema social. Ponto Urbe, 1, p. 1-27, 2007 10.4000/pontourbe.1217.

LIMA, Rebeca. Bem-estar subjetivo de crianças e adolescentes em situação de rua. Fortaleza: Unifor, 2014. Dissertação de mestrado em Psicologia.

LUNA, Izaildo. Educação em saúde com adolescentes em situação de rua visando à prevenção de DST/Aids. Fortaleza: UFC, 2011. Dissertação de mestrado em Enfermagem.

MATIAS, Hugo. Jovens em situação de rua: espaço, tempo, negociações de sentido. Psicologia & Sociedade, v. 23, n. 2, p. 237-247, 2011 10.1590/S0102-71822011000200004.

MARTINS, Raul. Uma tipologia de crianças e adolescentes em situação de rua baseada na Análise de Aglomerados. Psicologia: reflexão e crítica, v. 15, n. 2, p. 251-260, 2002 10.1590/S0102-79722002000200003.

MEDEIROS, Marcelo; FERRIANI, Maria das Graças; GOMES, Romeu; MUNARI, Denize. O significado de casa e rua para meninos com experiência de vida nas ruas: em busca de uma compreensão sobre as implicações para a saúde. Revista Brasileira do Crescimento e Desenvolvimento Humano, v. 12, n. 2, p. 11-19, 2002.

MEDEIROS, Marcelo; FREITAS, Geovana; OLIVEIRA, Normalene. A fome para meninos e meninas em situação de rua: além da sensação da “barriga vazia”. Revista Brasileira do Crescimento e Desenvolvimento Humano, v. 14, n. 1, 2004 10.7322/jhgd.39788.

MORAIS, Normanda. Um estudo sobre a saúde de adolescentes em situação de rua: o ponto de vista de adolescentes, profissionais de saúde e educadores. Porto Alegre: Ufrgs, 2005. Dissertação de mestrado em Psicologia.

MORAIS, Normanda; MORAIS, Camila; REIS, Silvia; KOLLER, Silvia. Promoção de saúde e adolescência: um exemplo de intervenção com adolescentes em situação de rua. Psicologia & Sociedade, v. 22, n. 3, p. 507-518, 2010 10.1590/S0102-71822010000300011.

MOTA, Rubens. A trajetória de jovens em situação de rua usuários de crack. Brasília: UCB, 2012. Dissertação de mestrado em Psicologia.

MOURA, Yone; SILVA, Eroy; NOTO, Ana. Redes sociais no contexto de uso de drogas entre crianças e adolescentes em situação de rua. Psicologia em Pesquisa, v. 3, n. 1, p. 31-46, 2009.

NEIVA-SILVA, Lucas. Uso de drogas entre crianças e adolescentes em situação de rua: um estudo longitudinal. Porto Alegre: Ufrgs, 2008. Tese de doutorado em Psicologia, 2008.

NÓBREGA, Sheva; LUCENA, Taciana. O “menino de rua” entre o sombrio e a aberrância da exclusão social. Estudos de Psicologia, v. 21, n. 3, p. 161-172, 2004 10.1590/S0103-166X2004000300002.

NOGUEIRA, Luciana; BELLINI, Luzia Marta. Sexualidade e violência, o que é isso para jovens que vivem na rua? Texto Contexto Enfermagem, v. 15, n. 4, p. 610-616, 2006 10.1590/S0104-07072006000400009.

NUNES, Eliane; ANDRADE, Arthur. Adolescentes em situação de rua: prostituição, drogas e HIV/AIDS em Santo André. Psicologia & Sociedade, v. 21, n. 1, p. 45-54, 2009 10.1590/S0102-71822009000100006.

NUNES, Rosane. Concepções de tratamento de crianças e adolescentes usuários de drogas com experiência de vida nas ruas no município do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: PUC Rio, 2013. Dissertação de mestrado em Serviço Social.

OLIVEIRA, Alfredo; RIBEIRO, Moneda. O cuidar da criança de/na rua na perspectiva dos graduandos de enfermagem. Texto & Contexto Enfermagem, v. 15, n. 2, p. 246-53, 2006 10.1590/S0104-07072006000200008.

OLIVEIRA, Normalene; MEDEIROS, Marcelo. Histórias de vida de meninas com experiência pregressa nas ruas: perspectivas do processo de inclusão social. Revista Eletrônica de Enfermagem, v. 8, n. 1, p. 119-127, 2006 10.5216/ree.v8i1.935.

PALUDO, Simone; KOLLER, Silvia. Quem são as crianças que estão nas ruas: vítimas ou vitimizadoras? Interação em Psicologia, v. 9, n. 1, p. 65-76, 2005 10.5380/psi.v9i1.3287.

PALUDO, Simone; KOLLER, Silvia. Toda criança tem família: criança em situação de rua também. Psicologia & Sociedade, v. 20, n. 1, p. 42-52, 2008 10.1590/S0102-71822008000100005.

RIBEIRO, Moneda. A criança de/na rua tem família: uma família em crise. Revista Brasileira de Crescimento e Desenvolvimento Humano, v. 11, n. 1, 2001 10.7322/jhgd.39667.

RIBEIRO, Moneda; CIAMPONE, Maria Helena. Crianças em situação de rua falam sobre os abrigos. Revista da Escola de Enfermagem da USP, v. 36, n. 4, p. 309-316, 2002 10.1590/S0080-62342002000400003.

RIZZINI, Irene; NEUMANN, Menezes; CISNEROS, Arianna. Estudos contemporâneos sobre a infância e paradigmas de direitos. O Social em Questão, n. 21, p. 1-13, 2009.

SANTANA, Juliana; DONINELLI, Thaís; FROSI, Raquel; KOLLER, Sílvia. Instituições de atendimento a crianças e adolescentes em situação de rua. Psicologia & Sociedade, v. 16, n. 2, p. 59-70, 2004 10.1590/S0102-71822004000200008.

SCHWONKE, Camila; FONSECA, Adriana; GOMES, Vera Lucia. Vulnerabilidades de adolescentes com vivências de rua. Escola Anna Nery, v. 13, n. 4, p. 849-55, 2009 10.1590/S1414-81452009000400022.

SILVA, Josianne; AVELAR, Telma. Crianças em situação de rua e suas representações sobre lar e família por meio do desenho. Psicologia Argumento, v. 32, n. 76, p. 69-77, 2014.

SILVA, Solange. A escola e a rua: interação possível? Revista de Ciências Humanas, n. 37, p. 67-87, 2005.

SOBRAL, Maria. Trajetórias de vida: um estudo sobre a complexidade da experiência na rua. 2008. 160f. Dissertação – PPG em Psicologia, UFP, Pernambuco, 2008.

TFOUNI, Leda; MORAES, Juliana. A família narrada por crianças e adolescentes de rua: a ficção como suporte do desejo. Psicologia USP, v. 14, n. 1, 2003.

WINNICOTT, Donald. Tudo começa em casa. São Paulo: Martins Fontes, 1996.

YUNES, Maria Ângela; ARRIECHE, Maria Rosaura; TAVARES, Maria de Fátima; FARIA, Lucimeri. Família vivida e pensada na percepção de crianças em situação de rua. Paidéia, v. 11, n. 20, p. 47-56, 2001.




DOI: http://dx.doi.org/10.15448/1984-7289.2019.1.30867

Direitos autorais 2019 Civitas - Revista de Ciências Sociais

ISSN-L: 1519-6089  -  e-ISSN: 1984-7289

Civitas - Revista de Ciências Sociais

....................................................................................................................................................................................................

Este periódico é membro do Cope (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org


Licença Creative Commons
Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Políticas editoriales de revistas científicas brasileñas. Disponibilidad de depósito: Azul .

Copyright: © 2006-2019 Edipucrs