Teologia da Anamnese: aspectos bíblicos e teológicos

  • Vanderson de Sousa Silva Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro
Palavras-chave: Teologia do memorial. Zikkaron. Liturgia.

Resumo

O artigo discute a teologia do memorial, tendo como pano de fundo, a perspectiva bíblico-teológica de construção do conceito de “memória”. Para tanto, vislumbramos que o vocábulo hebraico zikkaron significa recordação, memorial e, no contexto veterotestamentário expressa o sentido de atualização do evento salvífico do passado, no hoje do culto judaico. Tal teologia é assumida no Novo Testamento – pela palavra grega anámnesis – que corrobora o sentido de memorial que presentifica, sob o véu dos sacramentos, o evento Pascal. Assim, no artigo buscaremos investigar a teologia anamnética, tendo o mundo bíblico-judaico do Antigo Testamento como horizonte. O projeto do texto possui limitações, nosso intento é apresentar, ainda que laconicamente, a teologia anamnética, no contexto da memória litúrgica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vanderson de Sousa Silva, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro
Mestrando em Teologia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro PUC-RJ, Programa de Pós-Graduação em Teologia. Possui graduação em Teologia pelo Centro de Ensino Superior de Juiz de Fora - CES/JF (2010) e graduação em Filosofia pelo Instituto de Filosofia e Teologia VI (2006). Graduado em Pedagogia pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO e em Ciências Sociais pela Universidade Federal Fluminense - UFF. Desenvolve pesquisa na área de Teologia: o pensamento teológico dos teólogos alemães - Josef Ratzinger e Has Urs von Balthasar, bem como, do escritor patrístico do século III - Hipólito de Roma, principalmente sua obra - "Traditio Apostolica" e Teologia das Orações Eucarísticas. Em Filosofia pesquisa o pensamento de Sören Kierkegaard e seu possível diálogo com Josef Ratzinger e os fundamentos filosóficos da Educação. Em Educação pesquisa: a Qualidade em Educação Infantil. Em antropologia pesquisa a Antropologia do culto.

Referências

AUGÉ, Matias. Liturgia – história, celebração, teologia e espiritualidade. São Paulo: Ave-Maria, 1996.

ALLMEN, Jean-Jacques von. Essai sur le repas du Seigneur. Suisse: Delachaux et Niestlé, 1966. http://dx.doi.org/10.1017/s0036930600026958

BARBA, Maurizio. La riforma Conciliare dell’ Ordo Missae. Il percorso stoticoredazionale dei Rito d’ingresso, di offertotio e di comunione. Roma: Edizioni Liturgiche, 2008.

BEAUCHAMP, Paul. Le message biblique et notre passé. Christus, Cidade do México, n. 53, p. 23-36, 1966.

BERGAMINI, Augusto. Cristo, festa da Igreja: O Ano Litúrgico. São Paulo: Paulinas, 2004.

BERARDINO, Angelo Di (Org.). Dicionário Patrístico e de Antiguidades Cristãs. Petrópolis: Vozes, 2002.

BOGGIO, Giovanni; BROVELLI, Franco; CARIDEO, Armando. Il Messale Romano del Vaticano II – Orazionale e Lezionario. Quaderni de Rivista Liturgica, Torino-Leumann, v. 6, 1984.

BOTTE, Bernard. La Tradition Apostolique d’aprés les anciennes versions. Paris: Les Éditions du Cerf, 1984.

BOUYER, Louis. Eucaristia – Teologia e spiritualità della preghiera eucaristica. Torino: Editrice Elle Di Ci, 1983.

CHUPUNGCO, Anscar J. Scientia liturgica. Manuale di liturgia. L’Eucaristia. Vol. III. Piemme: Casale Monferrato, 1998.

CONGAR, Yves. Pneumatologia ou “christomonisme” dans La tradition latine? Ephemerides Theologicae Lovanienses, Louvain-la-Neuve, v. 45, p. 394-407, 1969.

FLORES, Juan Javier. Introdução à Teologia Litúrgica. São Paulo: Paulinas, 2006.

GIRAUDO, Cesare. Num só corpo. Tratado mistagógico sobre a eucaristia. São Paulo: Loyola, 2003.

GOPEGUI, Juan A. Ruiz de. Eukharistia. Verdade e caminho da Igreja. São Paulo: Loyola, 2008.

JEREMIAS, Joachim. Teologia do Novo Testamento. São Paulo: Paulus, 2004.

JORNEL, Pierre. La Messe hier et aujourd’hui. Paris: O.E.I.L., 1986.

JUNGMANN, Josef Andreas. Missarum Sollemia. São Paulo: Paulus, 2009.

LODI, Enzo. Liturgia della Chiesa. Guida allo studio della liturgia nelle sue fonti antiche e recenti. Bologna: Centro Editoriale Dehoniano, 1981.

KILMARTIN, Edward. La dernière cène et les premiers sacrifices eucharistiques de l’Église. Concilium, Nijmegen, n. 40, p. 33-43, 1986.

LORENZEN, Lynne Faber. Introdução à Trindade. São Paulo: Paulus, 2002.

MAGGIONI, Bruno; MAZZA, Enrico; GRAMPA, Giuseppe. L’Eucaristia celebrata: professare il Dio vivente – Linee di ricerca. Roma: Edizioni Liturgiche, 1991.

MALDONADO, Luis Arenas. La plegaria eucarística: Estudio de teologia bíblica y litúrgica sobre La misa. Madrid: La Editorial católica, 1967

MARSILI, Salvatore. A liturgia: momento histórico da salvação. São Paulo: Paulus, 1986.

______. Sinais do Mistério de Cristo. Teologia dos sacramentos, espiritualidade e ano litúrgico. São Paulo: Paulinas, 2009.

MARTIMORT, Aimé Georges. A Igreja em oração: Introdução à Liturgia. Singeverga: Desclée e cia, 1965.

MARTÍN, Julian Lopez. A Liturgia da Igreja. Teologia, história, espiritualidade e pastoral. São Paulo: Paulinas, 2006.

MAZZA, Enrico. L’action Eucharistique. Origine, développement, interprétation. Paris: Cerf, 1999.

MISSAL Romano. São Paulo: Paulus, 1992.

MORESCHINI, Cláudio; NORELLI, Enrico. Manual de literatura cristã antiga e latina. Aparecida: Editora Santuário, 2005.

NADEAU, Marie-Thérèse. Une mémoire sans pareille: l’Eucharistie. Montreal: Médiaspaul, 2001.

NEUNHEUSER, Burkhard. Memorial. In: SARTORE, Domenico; TRIACCA, Achille. Dicionário de Liturgia. São Paulo: Paulinas, 1992. p. 723-736.

PADOIN, Giacinto. O pão que eu darei – O sacramento da Eucaristia. São Paulo: Paulinas, 1999.

PORTO, Humberto. Liturgia judaica e liturgia cristã. São Paulo: Paulinas, 1977.

RATZINGER, Joseph. L’eucharistie est-elle un sacrifice? Concilium. Nijmegen, n. 24, p. 67-75, 1967.

______. Introdução ao espírito da Liturgia. Lisboa: Paulinas, 2001.

TILLARD, Jean-Marie Roger. L’eucharistie, sacrement de l’espérance ecclésiale. Nouvelle Revue Théologique. Bruxelas, n. 83, p. 561-592, 1961.

THURIAN, Max. L’eucharistie. Lonay: Delachaux et Niestlé, 1959.

VAGAGGINI, Cipriano. Il Canome della Messa e la riforma Liturgica – Problemi e progetti. Quaderni de Revista Liturgica, Torino-Leumann, v. 4, 1966.

Publicado
2016-06-22
Seção
A Inteligência da Fé