Memes em weblogs: proposta de uma taxonomia

  • Raquel da Cunha Recuero da Cunha Recuero Universidade Católica de Pelotas
Palavras-chave: Meme, Taxonomia, Weblogs, Redes midiáticas

Resumo

O artigo a seguir propõe uma taxonomia de memes para weblogs, a partir da observação sistemática de campo. Após, realiza-se uma discussão de como as características desses memes geram diferentes impactos na rede social e diferentes dinâmicas dentro desses weblogs.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Raquel da Cunha Recuero da Cunha Recuero, Universidade Católica de Pelotas
Possui doutorado em Comunicação e Informação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2006), mestrado em Comunicação e Informação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2002), graduação em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Universidade Católica de Pelotas (1998) e graduação em Direito pela Universidade Federal de Pelotas (1999). Atualmente é professora (adjunto 4) e pesquisadora dos cursos de Comunicação Social - Habilitações em Jornalismo e Publicidade e Propaganda e do Programa de Pós-Graduação em Letras, com concentração em Lingüística Aplicada da Universidade Católica de Pelotas(UCPel) e pesquisadora do Programa de Pós Graduação em Comunicação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), além de membro do corpo editorial de diversos periódicos.

Referências

ADAR, Eytan e ADAMIC, Lada. Tracking Information Epidemics in Blogspace. Disponível em http://www.cond.org/ trackingblogepidemics.pdf. Acesso em 05/ 12/2005.

BARABÁSI, Albért-László. Linked: How everything is connected to everything else and what it means for business, science and everyday life. New York: Plume, 2003.

BARBROOK, Richard. Meme Critique. Disponível em http://www.acc.at/meme/symp/ contrib/barbro.html Acesso em 12/08/2005.

BJARNESKANS, Henrik, GRONNEVIK, Bjarne e SANDBERG, Anders. The Lifecycle of Memes. Disponível em http://www.aleph.se/ Trans/Cultural/Memetics/memcycle.html . Acesso em 12/08/2005.

BLACKMORE, Susan. The Meme Machine. Oxford: Oxford University Press, 1999.

_____. The evolution of the meme machine. Trabalho apresentado no International Congress on Ontopsychology and Memetics, Milão, 2002. Disponível em: http://www.susanblackmore.co.uk/ Conferences/Ontopsych.htm. Acesso em 06/12/2005.

BLOOD, Rebecca. The Weblog Handbook. Cambridge, MA: Perseus Publishing, 2002.

BOYD, Danah. Friendster and Publicity Articulated Social Networking. Conference on Human Factors Computing Systems (CHI, 2004), Vienna, Abril, 2004.

CAMPBELL, Susan; FOUCHÉ, Sandro e WEISS, Kenneth. Blogscape: Cartography on Social Networks. Disponível em http:// www.wam.umd.edu/~susanc/blogscape/. Acesso em 12/12/2005.

CARVALHO, Rosa Meire. Diários Íntimos na Era Digital. Diários Públicos, Mundos Privados. Dissertação de mestrado. Universidade Federal da Bahia, 2003. Disponível em: http://www.bocc.ubi.pt/pag/oliveira-rosa- meire-diarios-publicos-mundos- privados.pdf

DAWKINS, Richard. O Gene Egoísta. (1979) Coleção O Homem e a Ciência, volume 7. Belo Horizonte: Itatiaia, 2001.

DENNETT, Daniel. The Evolution of Culture. Disponível em http://www.edge.org/ 3rd_culture/dennet/dennet_p2.html Acesso dia 12/08/2005.

GLADWELL, Malcom. O Ponto de Desequilíbrio: Como pequenas coisas podem fazer uma grande diferença. Rio de Janeiro: Rocco, 2002.

GRANOVETTER, Mark. The Strenght of Weak Ties. In: The American Journal of Sociology, Vol. 78, No. 6, Maio de 1973. (p. 1360-1380)

GRUHL, D et. al. Information diffusion through Blogspace. Anais da WWW2004, May, 2004. New York, USA. Disponível em: http:// www.www2004.org/proceedings/docs/ 1p491.pdf. Acesso em 12/12/2005.

HEYLIGHEN, F. Memetics. Disponível em http://pespmcl.vub.ac.br/MEMEREP.html Publicado em 1994. Acesso em 05/08/2005.

LEMOS, André. A Arte da Vida: Diários Pessoais e Webcams na Internet. Trabalho apresentado no GT de Comunicação e Sociedade Tecnológica No X Encontro da Compós, Universidade Federal do Rio de Janeiro, 2002. Disponível em http:// www.facom.ufba.br/ciberpesquisa/tics/ 2002/andrelemos.html. Acesso em 20/05/ 2003.

MARLOW, Cameron. Audience, Structure and Authority in Weblog Community. Disponível em http://overstated.net/media/ ICA2004.pdf Acesso em 03/05/2004.

Publicado
2008-04-14
Como Citar
Recuero, R. da C. R. da C. (2008). Memes em weblogs: proposta de uma taxonomia. Revista FAMECOS, 14(32), 23-31. https://doi.org/10.15448/1980-3729.2007.32.3411
Seção
Conexôes nas Redes Midiáticas