Pasolini. Das modulações das formas fílmicas.

  • Sylvia Beatriz Bezerra Furtado Universidade Federal do Ceará (UFC), Instituto de Cultura e Arte, Fortaleza, Ceará
Palavras-chave: Pasolini, Formas Fílmicas, Modulações

Resumo

Este artigo é um diálogo com alguns dos escritos de Pasolini sobre cinema, em especial com as transcrições de gravações de conversas realizadas em diferentes
momentos de filmagens em La Voz de Pasolini, publicado no ano 2000, em Madrid, e nos textos, de 1957-1974, reunidos em livro pela Cahiers du Cinema, nos escritos sobre o cinema, quando Pasolini fala dos embates na construção de planos, com a inserção da luz em determinadas cenas e na forma de dirigir atores. Trata-se de entender como as formas fílmicas respondem a demandas do realizador que faz um cinema de modulações da matéria do mundo, trabalhadas em enquadramentos breves, em ápices dramáticos, em formulações dos gestos na montagem e em movimentos de câmera precisos com o objetivo de inscrever uma forma no embate com as sobreexposições das luzes sobre os corpos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Sylvia Beatriz Bezerra Furtado, Universidade Federal do Ceará (UFC), Instituto de Cultura e Arte, Fortaleza, Ceará
Professora Dra. do Programa de Pós-Graduação em Comunicação, da linha de pesquisa em Fotografia e Audiovisual, do Instituto de Arte e Cultura, da Universidade Federal do Ceará.

Referências

ACCATTONE. Direção: Pier Paolo Pasolini, 1961. DVD (120 min.).

AMOROSO, Maria Betânia. Pier Paolo Pasolini. São Paulo: Cosac & Naify, 2002.

BERGSON, Henri. Matéria e Memória – Ensaio sobre a relação do corpo com o espírito. São Paulo: Editora Martins e Fontes, 1990.

BAZIN, André. O Que é o Cinema? São Paulo: Cosac Naify, 2014.

DELEUZE, Gilles. Imagem-Tempo. Lisboa: Assírio & Alvim, 1983.

______. Diferença e Repetição. Relógio D’Água: Lisboa, 2000.

DUBOIS, Philippe. La question des figures à travers les champs du savoir: le savoir de la lexologie. In: AUERBACH, Erich. Figure, figural. Paris-Berlim,1993.

EVANGELHO Segundo São Mateus. Direção: Pier Paolo Pasolini, 1964. DVD (142 min.).

GRUNER, Eduardo. Pier Paolo Pasolini: La tragédia de lo Real. In: Pensar el Cine 1. Imagen, Ética y Filosofía. YOEL, Gerard (org.). Ética y Filosofía, Manantial: Buenos Aires, 2004.

LE TEMPESTAIRE. Direção: Jean Epstein, 1947. Arquivo Digital (23 min.).

MAMMA Roma. Direção: Pier Paolo Pasolini, 1962. DVD (120 min.).

PASOLINI, Pier Paolo. La Voz de Pasolini – Primeros apuntes de un ensaysta cinematográfico. Madrid: Maia Edições, 2011.

______. Écrits sur le Cinéma. Petits Dialogues avec les Films. Petite bibliothèque des Cahiers du Cinéma: Paris, 2000.

______. Pasolini, Roma. CCCB - Centro de Cultura Contemporânea de Barcelona. Skira Flammarion: Barcelona, 2013.

______. Empirismo Herege. Trad. Miguel Serras Pereira. Lisboa: Assírio & Alvim, 1982.

ROMA Cidade Aberta. Direção: Roberto Rossellini, 1945. DVD (105 min.).

SALÒ. Direção: Pier Paolo Pasolini, 1975. DVD (145 min.).

TEOREMA. Direção: Pier Paolo Pasolini, 1968. DVD (99 min.).

VANCHERI, Luc. Les Pensées Figurales de L’Image. Armand Colin: Paris, 2011.

XAVIER, Ismail. O cinema moderno segundo Pasolini. Catálogo da Mostra Pasolini ou quando o cinema se faz poesia e política de seu tempo. CCBB, Rio de Janeiro, 2014. Disponível em: http://culturabancodobrasil.com.br/portal/wpcontent/uploads/2014/10/Cat%C3%A1logo-Pasolini.pdf Acesso em: 10 ago. 2016.

Publicado
2017-03-24
Como Citar
Bezerra Furtado, S. B. (2017). Pasolini. Das modulações das formas fílmicas. Revista FAMECOS, 24(2), ID24956. https://doi.org/10.15448/1980-3729.2017.2.24956
Seção
Cinema