Em torno de uma noção baudrillardiana

  • Juremir Machado da Silva PUCRS
Palavras-chave: Jean Baudrillard, mídia, espetáculo

Resumo

Este texto examina uma noção concebida pelo pensador francês Jean Baudrillard: a mídia que, não se respeitando mais, toma-se pelo acontecimento. Trata-se, portanto, mais uma vez, do papel dos meios de comunicação numa sociedade extremamente midiatizada. Uma pergunta se impõe: mesmo o jornalismo tornou definitivamente entretenimento? Entre a teoria e a prática, os rastros da mutação parecem eliminar qualquer dúvida. De certo modo, passados cinco anos da morte de Baudrillard, este artigo faz um balanço do seu legado através de um fragmento da sua imensa, rica e polêmica obra de analista irônico.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BAUDRILLARD, Jean (avec Enrique Valiente Noailles). Les exilés du dialogue. Paris: Galilée, 2005.

______. Le Pacte de lucidité, l’intelligence du mal. Paris: Galilée, 2004.

______ Tela total — mito-ironias da era do virtual e da imagem. Porto Alegre: Sulina, 1997.

______. Le crime parfait. Paris: Galilée, 1995.

______. A transparência do mal – ensaio sobre os fenômenos extremos. Campinas: Papirus, 1990.

Como Citar
da Silva, J. M. (2012). Em torno de uma noção baudrillardiana. Revista FAMECOS, 19(1), 16-26. https://doi.org/10.15448/1980-3729.2012.1.11338
Seção
Metodologias