Políticas de instrução pública no século XIX como eco de experiências internacionais

  • Flávia Obino Corrêa Werle UNISINOS

Resumo

Discussão acerca das políticas de instrução elementar pública como eco das propostas hegemônicas formuladas em outros países. Impacto de práticas realizadas na Prússia, Holanda, França, Inglaterra, Argentina e Estados Unidos em políticas de educação do Rio Grande do Sul, tomando como categorias de análise os índices de escolarização, a imposição da obrigatoriedade, as práticas de fiscalização do ensino e o controle do tempo na escola, a cobrança de impostos e taxas escolares, as prescrições acerca da saúde e postura dos alunos e mobiliário escolar. Descritores – Política educacional; educação comparada; história da educação.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Como Citar
Werle, F. O. C. (2008). Políticas de instrução pública no século XIX como eco de experiências internacionais. Educação, 31(2). Recuperado de https://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/faced/article/view/2768
Seção
Artigos