Miséria ética na educação inclusiva: por uma inclusão política mais do que social

  • Rinaldo Voltolini Universidade de São Paulo
Palavras-chave: Ética. Educação inclusiva. Psicanálise. Individualismo

Resumo

A política da educação inclusiva aparece como empenho reparador de desigualdades em uma sociedade que persegue o aperfeiçoamento das instituições democráticas. A distância entre as leis criadas para garantir essa política e a efetiva implementação delas na realidade cotidiana sugere o termo miséria ética. Neste artigo, ao contrário da tese mais comum que explora a má gerência de fatores administrativos na implementação da política inclusiva, levanta-se a hipótese de que na essência essa crise ética se deve ao predomínio da ideologia individualista neoliberal que sustenta a política inclusiva. Com base na psicanálise, explora-se o campo da palavra como fundamento para uma inclusão mais baseada no participar (inclusão política) do que no fazer parte (inclusão social).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ALBERTI, Christiane. Rhétorique et pratique de TEACCH L’impératif brutal: “Communiquez!”. In: MILLER, Jacques Alain (Org.). L’anti livre noir de la psychanalyse. Paris: éditions du Seuil, 2006. p.111-114.

ARENDT, Hannah. A condição humana. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 1999.

FREUD, Sigmund. Psicologia de grupo e análise do ego. In: Edição Standard Brasileira das Obras Completas de Sigmund Freud, v. XVIII. Rio de Janeiro: Imago, (1921/1996). p. 77-154.

FREUD, Sigmund (1930). Mal-estar na civilização. In: FREUD, Sigmund. Obras Completas. v. XXI. Rio de Janeiro: Imago, 1996. p. 65-148.

FREUD, Sigmund (1913). Totem e Tabu. In: FREUD, Sigmund. Obras completas, v. XIII. Rio de Janeiro: Imago, 1996. p. 11-162.

GARDOU, Charles. La société inclusive, parlons-en! Il n’y a pas de vie minuscule. Toulouse: Éditions Érès, 2012.

GOMEZ, Jean-François. Handicap, éthique et institution. Paris: Dunod, 2005.

KEHL, Maria Rita. Sobre ética e psicanálise. São Paulo: Companhia das Letras, 2002.

LACAN, Jacques. O Seminário, livro 7: a ética da psicanálise. Rio de Janeiro: JZE, 1988.

LACAN, Jacques. Du discours psychanalytique. Paris: Éditions du Seuil, 1972.

PLAISANCE, Éric. Autrement capables école, emploi, société: pour l’inclusion des personnes handicapées. Paris: Mutations, 2009.

VOLTOLINI, Rinaldo. A inclusão é não toda. In: COLLI, Fernando; KUPFER, Maria Cristina Machado (Org.). Travessias inclusão escolar: a experiência do grupo pré-escola terapêutica Lugar de Vida. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2005.

Publicado
2015-11-10
Como Citar
Voltolini, R. (2015). Miséria ética na educação inclusiva: por uma inclusão política mais do que social. Educação, 38(2), 222-229. https://doi.org/10.15448/1981-2582.2015.2.20048
Seção
Dossiê - Educação Especial e Psicanálise