Entre a alteridade e a indiferença: uma análise das relações na escola

  • Marta Nidia Varella Gomes Maia Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro
  • Alessandra Evelin Brandolim Pacheco Grupo de Pesquisa Infância, Formação e Cultura - INFOC
  • Paula Lannes Pereira Passos Departamento de Educação da PUC-Rio
Palavras-chave: Criança. Escola. Relações. Interações. Humanização.

Resumo

Analisar relações e interações presentes na escola, a partir da obra de Martin Buber, é o que propõe o presente texto. Transitando entre recortes do cotidiano extraídos de dissertações de mestrado e teses de doutorado, e apoiado na concepção de existência humana e no conceito de relação buberianos, aponta para a possibilidade e necessidade de humanização nas interações. Inicia-se com a contextualização do campo empírico dos trabalhos selecionados, apresenta, brevemente, a filosofia antropológica de Martin Buber e destaca os conceitos estudados aplicados à análise das teses e dissertações. Conclui com considerações sobre o próprio processo de estudo e análise do material selecionado e sobre as contribuições das teorias de Buber para as relações entre os sujeitos na escola.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alessandra Evelin Brandolim Pacheco, Grupo de Pesquisa Infância, Formação e Cultura - INFOC
Graduanda em Pedagogia pela PUC-Rio e bolsista de iniciação científica no Grupo de Pesquisa Infância, Formação e Cultura - INFOC
Paula Lannes Pereira Passos, Departamento de Educação da PUC-Rio
graduada em Direito (2009) e Pedagogia (2012), ambas realizadas na PUC-rio, e mestranda do Departamento de Educação da PUC-Rio. Atualmente sou bolsista FAPERJ.

Referências

BUBER, Martin. Eu e tu. Tradução, introdução e notas de Newton Aquiles Von Zuben. 6. ed., revista. São Paulo: Centauro, 2003.

BUBER, Martin. El caminho del ser humano y otros escritos. Salamanca: Kadmos, 2004.

BUBER, Martin. Do diálogo e do dialógico. Tradução de Marta Ekstein de Souza Queiroz e Regina Weinberg. São Paulo: Perspectiva, 2009.

FREIRE, Eliane Fazolo. Pelas telas de um aramado: educação infantil, cultura e cidade. Tese (Doutorado em Educação) – Departamento de Educação, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, PUC-Rio, 2008.

LIMA, Maria Batista. Práticas cotidianas e identidades étnicas: um estudo no contexto escolar. Tese (Doutorado em Educação) – Departamento de Educação, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, PUC-Rio, 2006.

MAIA, Marta Nídia. Educação infantil: com quantas datas se faz um currículo? Dissertação (Mestrado em Educação) – Departamento de Educação, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, PUC-Rio, 2011.

MOURA, Maria Tereza Jaguaribe Alencar de. A. Arte e infância: um estudo das interações entre crianças, adultos e obras de arte em museu. Dissertação (Mestrado em Educação) – Departamento de Educação, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, PUC-Rio, 2005.

OLIVEIRA, Cássia Maria Baptista de. É pecado desenhar Deus? Um estudo sobre práticas disciplinares com crianças de uma creche comunitária e de uma escola dominical. Dissertação (Mestrado em Educação) – Departamento de Educação, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, PUC-Rio, 1998.

TOLEDO, Maria Leonor Toledo. Relações e concepções de crianças com/sobre a natureza: um estudo em uma escola municipal. Dissertação (Mestrado em Educação) – Departamento de Educação, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, PUC-Rio, 2010.

ZUBEN, Newton Aquiles Von. A. V. Introdução. In: BUBER, Martin. Eu e tu. 10. ed. Tradução, introdução e notas de Newton Aquiles von Zuben. São Paulo: Centauro, 2003. p. 7-49.

Publicado
2016-07-06
Como Citar
Maia, M. N. V. G., Pacheco, A. E. B., & Passos, P. L. P. (2016). Entre a alteridade e a indiferença: uma análise das relações na escola. Educação, 39(1), 133-141. https://doi.org/10.15448/1981-2582.2016.1.19747