Processos avaliativos e/na educação matemática: um estudo sobre o Programa Escola Ativa

  • Fernanda Wanderer UFRGS
  • Gelsa Knijnik Unisinos
Palavras-chave: Educação matemática. Processos avaliativos. Programa Escola Ativa. Escolas multisseriadas do campo. Foucault

Resumo

 

 

 

O artigo examina o Programa Escola Ativa (PEA), endereçado às escolas multisseriadas do campo do país, enfocando os processos avaliativos ali presentes, no que diz respeito à educação matemática. Os aportes teóricos que dão sustentação ao estudo encontram-se nas formulações de Michel Foucault, em especial as que dizem respeito às práticas disciplinares e às tecnologias do eu. O material de pesquisa está circunscrito aos documentos do PEA direcionados aos professores. O exercício analítico sobre esse material(realizado na perspectiva da análise do discurso foucaultiano),possibilitou concluir que, no PEA, a avaliação: a) é concebida como um mecanismo de disciplinamento dos corpos e dos saberes que opera em um continuum e está presente em todas as etapas da aprendizagem da matemática; b) atua sobre os sujeitos escolares mediante diferentes práticas avaliativas; c) na área da matemática, tem como um de seus eixos principais a análise do erro do aluno.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fernanda Wanderer, UFRGS
Professora do Departamento de Ensino e Currículo da Faculdade de Educação da UFRGS.
Gelsa Knijnik, Unisinos
Professora do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade do Vale do Rio dos Sinos - UNISINOS.
Publicado
2014-03-19
Como Citar
Wanderer, F., & Knijnik, G. (2014). Processos avaliativos e/na educação matemática: um estudo sobre o Programa Escola Ativa. Educação, 37(1), 92-100. https://doi.org/10.15448/1981-2582.2014.1.15880