Entrelaçando tempos de infância e escolarização: a relação entre idade e frequência nas escolas da Região Colonial Italiana do RS de 1875 a 1930

  • Terciane Ângela Luchese UCS
Palavras-chave: tempos, (in)frequência, idade escolar

Resumo

o texto apresenta indícios para pensar a construção dos tempos escolares, especialmente relações entre idade e frequência escolar na Região Colonial Italiana do Rio Grande do Sul (antigas colônias Dona Isabel, Caxias e Conde d’Eu), no período entre 1875 a 1930. Tempos ritualizados pelas cerimônias produzidas pelas comemorações de determinadas datas, o início do ano escolar, o período esperado de permanência na escola – a idade para iniciar e terminar os estudos. Compreender o tempo de infância em relação ao tempo de escola, a partir de fontes historiográficas diversificadas, como relatórios, correspondências, atas, mapas de frequência, cadernos de chamada e fotografias, é o intuito do texto. A referência teórico-metodológica da análise considera os pressupostos da história cultural. Por fim, o texto procura contribuir para o conhecimento da história da educação brasileira, no sentido da organização do tempo escolar, considerando a multiplicidade cultural e étnica do país.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Terciane Ângela Luchese, UCS
Nadja Mara Amilibia Hermann Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq - Nível 1C Possui graduação em Filosofia pela Universidade Federal de Santa Maria (1973), mestrado em Educação pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (1982) e doutorado em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1995), com doutorado sanduíche na Universidade de Heidelberg. Foi professora titular de Filosofia da Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul de 1997 a 2005. Coordenou o Comitê de Educação e Psicologia da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul no período de 2002 a 2006. Realizou estágios de pesquisa na Universidade de Heidelberg/Erziehungswissensschatliches Seminar nos anos de 1998, 1999 e 2005. Atualmente é professora adjunta da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Filosofia da Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: filosofia da educacao, racionalidade, hermenâutica, Habermas, Gadamer, ética, ética e estética. (Texto informado pelo autor)
Como Citar
Luchese, T. Ângela. (2012). Entrelaçando tempos de infância e escolarização: a relação entre idade e frequência nas escolas da Região Colonial Italiana do RS de 1875 a 1930. Educação, 35(2). Recuperado de https://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/faced/article/view/11641
Seção
Outros Temas