O Método de Casos para a Gestão do Conhecimento no Ministério Público

Um manual técnico para a implementação da ferramenta

Palavras-chave: Escola de Governo, Método do caso, Gestão do Conhecimento, Aprendizagem Organizacional, Material didático

Resumo

O presente artigo objetiva apresentar um manual técnico para subsidiar processos de implementação do método de casos como ferramenta de gestão do conhecimento no âmbito do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), podendo servir de base para outros órgãos da administração pública. O método de casos tem sido utilizado na literatura gerencial, inclusive no setor público, como ferramenta de aprendizagem organizacional para criar, adquirir, desenvolver, transferir e reter conhecimentos. O manual consistiu em produto técnico derivado de pesquisa de campo que investigou se o método de escrita de casos pode ser aplicado efetivamente para a criação e disseminação de conhecimento organizacional pela Escola Institucional do Ministério Público do Estado de Minas Gerais. A construção desse manual teve por objetivo subsidiar oprocesso de escrita e construção de casos e apresentar a metodologia paraa formação docente naquele órgão. A coleta de dados se deu a partir de revisão de literatura narrativa e sistemática, pesquisa documental e de entrevistassemiestruturadas, e a análise dos dados ocorreu por análise de conteúdo. Aanálise dos dados corroborou a literatura no sentido de que o método de casosretrata o conhecimento tácito e sistematiza e registra experiências relevantes,consistindo em ferramenta importante para o aprimoramento da prática jurídica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alessandra de Souza Santos, Universidade FUMEC, Belo Horizonte, MG, Brasil.

Doutoranda em Sistemas de Informação e Gestão do Conhecimento pela Universidade FUMEC, em Belo Horizonte, MG, Brasil. Mestre em Gestão Social, Educação e Desenvolvimento Local pelo Centro Universitário Una, em Belo Horizonte, MG, Brasil. Analista do Ministério Público do Estado de Minas Gerais, em Belo Horizonte, MG, Brasil.

Frederico de Carvalho Figueiredo, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC/MG), Belo Horizonte, MG, Brasil.

Doutor em Gestão Urbana pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUC/PR), Curitiba, PR, Brasil. Mestre em Administração pela Universidade Federal de Lavras (UFLA), Lavras, MG, Brasil. Doutorando em Direito pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC/MG), em Belo Horizonte, MG, Brasil. Ex-professor do Programa de Pós-graduação em Gestão Social, Educação e Desenvolvimento Local do Centro Universitário Una, em Belo Horizonte, MG, Brasil. Técnico do Tribunal Regional Eleitoral, em Belo Horizonte, MG, Brasil.

Referências

ALBERTON, Anete; SILVA, Anielson Barbosa da. Como Escrever um Bom Caso para Ensino? Reflexões sobre o Método. Revista de Administração Contemporânea, Rio de Janeiro, v. 22, n. 5, art. 6, p. 745-761, set./out. 2018. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rac/v22n5/1982-7849-rac-22-5-0745.pdf. Acesso em: 12 jan. 2019. https://doi.org/10.1590/1982-7849rac2018180212

ALMEIDA, Gregório Assagra de. Métodos de ensino nas Faculdades de Direito dos Estados Unidos e a possibilidade de sua utilização nas Escolas do Ministério Público brasileiro: reflexões a partir da experiência de pesquisa na Faculdade de Direito da Universidade de Syracuse. In: CAMBI, Eduardo; ALMEIDA, Gregório Assagra de; MOREIRA, Jairo Cruz (org.). 30 anos da Constituição de 1988 e o Ministério Público: avanços, retrocessos e os novos desafios. Belo Horizonte: D’Plácido, 2018. p. 19-46.

ARAMENDI JAUREGUI, Pedro; BUJAN VIDALES, Karmele; GARÍN CASARES, Segundo; VEGA FUENTE, Amando. Estudio de caso y aprendizaje cooperativo en la universidad. Profesorado: Revista de Currículum y Formación de Profesorado, Granada, Espanha, v. 18, n. 1, p. 413-429, jan /abr. 2014. Disponível em: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=56730662024. Acesso em: 13 jan. 2019.

ARAÚJO, Mirelle da Silva Monteiro; SOUSA, Socorro Cláudia Tavares de. Casos para o ensino: Uma abordagem a partir da linguística de texto. Métodos e Pesquisa em Administração, v. 1, n. 2, p. 69-79, 2016. Disponível em: http://www.periodicos.ufpb.br/ojs/index.php/mepad/article/view/32193/16726. Acesso em: 12 fev. 2019.

BARBOSA, Eduardo Fernandes; MOURA, Dácio Guimarães de. Metodologias ativas de aprendizagem na Educação Profissional e Tecnológica. Boletim Técnico do Senac, Rio de Janeiro, v. 39, n.2, p.48-67, maio/ago. 2013. Disponível em: https://www.bts.senac.br/bts/article/view/349. Acesso em: 25 mar. 2019. https://doi.org/10.26849/bts.v39i2.349

BARDIN, Laurence. Análise de conteúdo. trad. Luís Antero Reto e Augusto Pinheiro. São Paulo: Edições 70, 2016.

BRASIL. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. Portaria normativa nº 17, de 28 de dezembro de 2009. Dispõe sobre o mestrado profissional no âmbito da Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – CAPES. Diário Oficial da União 29/12/2009. Disponível em: http://www.capes.gov.br/images/stories/download/legislacao/PortariaNormativa_17MP.pdf. Acesso em: 25 mar. 2019.

CAMARGO, Brigido Vizeu; JUSTO, Ana Maria. Tutorial para uso do software de análise textual IRAMUTEQ. Universidade Federal de Santa Catarina, Curitiba, p.1-74, 2018. Disponível em: http://www.iramuteq.org/documentation/fichiers/tutoriel-portugais-22-11-2018. Acesso em: 18 abr. 2019.

CHOO, Chun Wei. The inquiring organization: how organizations acquire knowledge and seek information. Nova Iorque: Oxford University Press, 2016.

CHOO, Chun Wei. Information management for the intelligent organization: the art of scanning the environment. 3. ed. Medford, Nova Jersey: Information Today, 2002. https://doi.org/10.1590/2175-623647617

CHOO, Chun Wei. A organização do conhecimento: como as organizações usam a informação para criar significado, construir conhecimento e tomar decisões. 3. ed. Trad. Eliana Rocha. São Paulo: SENAC, 2003.

COELHO, Fabiana Martins. O Cotidiano da Gestão Escolar: o método de caso na sistematização de problemas. Educação & Realidade, Porto Alegre, v. 40, n. 4, p. 1261-1276, out./dez., 2015. Disponível em: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=317241516016. Acesso em: 24 dez. 2018.

DALFOVO, Michael Samir. Casos Multiformatos em Administração: Análise da Influência dos Estilos e Ambientes de Aprendizagem. 2013. 215 f. Tese (Doutorado em Administração). - Universidade do Vale do Itajaí, Biguaçu. Disponível em: http://siaibib01.univali.br/pdf/Michael%20Samir%20Dalfovo.pdf. Acesso em: 14 mar. 2018.

DAVENPORT, Thomas H.; PRUSAK, Laurence. Conhecimento empresarial. Rio de Janeiro: Campus, 1998.

DEMO, Pedro. Aprender como autor. São Paulo: Atlas, 2015.

DUEK, Viviane Preichardt. Educação inclusiva e formação continuada: contribuições dos casos de ensino para os processos de aprendizagem e desenvolvimento profissional de professores. 2011. 351 f. Tese (Doutorado em Educação) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2011. Disponível em: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/14342. Acesso em: 14 dez. 2018.

ESLAVA, Adolfo. Análisis institucional de asuntos públicos: el problema de abastecimiento de oro para la joyería en Colombia. Gestión y Política Pública, México, v. 26, n. 1, p. 253-268, jun. 2017. Disponível em: http://www.scielo.org.mx/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1405-10792017000100253&lng=pt&nrm=iso. Acesso em: 15 jan. 2019.

FERNANDES, Antônio Joaquim Schellenberger. Direito à saúde: elementos materiais. 2016, 356 p. Orientadores Caroline Proner e Francisco José Infante Ruiz. Tese (Doutorado em Direitos Humanos e Desenvolvimento) Universidad Pablo de Olavide, Sevilha, Espanha, 2016. Disponível em: https://rio.upo.es/xmlui/handle/10433/2386. Acesso em: 13 mar. 2019.

GARVIN, David A. Making the Case: Professional education for the world of practice. Harvard Magazine, Mass., v. 106, n. 1, p. 56-107, Sept./Oct., 2003. Disponível em: http://harvardmagazine.com/2003/09/making-the-case-html. Acesso em: 24 nov. 2017.

GIBBERT, Michael; PROBST, Gilbert; DAVENPORT, Thomas H. Cooperative Case Writing: a New Approach for Bridging Theorical Significance and Practical Relevance? Relatório. Genéve: Université de Genéve, 2003. Disponível em: http://archive-ouverte.unige.ch/unige:5786. Acesso em: 22 mar. 2018.

GIL, Antônio Carlos. Estudo de caso. São Paulo: Atlas, 2009.

GIL, Antônio Carlos. Elaboração de casos para o ensino de Administração. Contextus: Revista Contemporânea de Economia e Gestão, Fortaleza, v. 2, n. 2, p. 07-16, jul-dez, 2004. Disponível em: http://periodicos.ufc.br/contextus/article/view/32055. Acesso em 25 mar. 2019. https://doi.org/10.19094/contextus.v2i2.32055

GRAHAM, Andrew. Como escrever e usar estudos de caso para ensino e aprendizagem no setor público. Brasília, DF: ENAP, 2010. Disponível em: http://antigo.enap.gov.br/images/livro_andrew_graham.pdf. Acesso em: 07 nov. 2017.

GRIDEL, Jean-Pierre. La dissertation, les cas pratique et la consultation en Droit privé: méthodes, illustrations. 4. ed. Paris: Dalloz, 1996.

GWEE, June. The Case Writer’s Toolkit. Cingapura: Palgrave Macmillan, 2018.

IKEDA, Ana Akemi; OLIVEIRA, Tânia Modesto Veludo de; CAMPOMAR, Marcos Cortez. O caso como estratégia de ensino na área de Administração. Revista de Administração, São Paulo, v. 41, n. 2, p. 147-157, abr./maio/jun., 2006. Disponível em: https://www.redalyc.org/pdf/2234/223417482003.pdf. Acesso em: 27 dez. 2018.

KOCH, Ingedore Grunfeld Villaça; ELIAS, Vanda Maria. Ler e escrever. 2. ed. 4. reimp. São Paulo: Contexto, 2017.

MARTINS, Gilberto de Andrade. Estudo de caso: uma estratégia de pesquisa. 2. ed. São Paulo: Atlas, 2008.

MATTAR, João. Metodologias ativas: para a educação presencial, blended e a distância. 1. ed. São Paulo: Artesanato Educacional, 2017.

MOURALIS, Jean-Louis. Les cas pratique em Droit Civil. 2. ed. Paris: Ellipses, 2003.

NAUMES, William; NAUMES, Margareth J. The art & craft of case writing. Thousand Oaks, CA: Sage Publications, 1999.

NONAKA, Ikujiro; TAKEUCHI, Hirotaka. Teoria da Criação do Conhecimento Organizacional. In: TAKEUCHI, Hirotaka; NONAKA, Ikujiro (org.). Gestão do conhecimento. Porto Alegre: Bookman, 2008. p. 54-90.

NONAKA, Ikujiro; TAKEUCHI, Hirotaka. Criação de conhecimento na empresa: como as empresas japonesas geram a dinâmica da inovação. 19. ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 1997.

ORNGREEN, Rikke. Multimedia teaching cases. 2002, 277 f. Dissertação (Mestrado). – Department of Informatics of the Copenhagen Business School, Copenhague, Dinamarca, 2002. Disponível em: https://openarchive.cbs.dk/bitstream/handle/10398/7746/rikke_n_orngreen.pdf?seq uence=1. Acesso em: 20 mar. 2018.

PEREIRA, Leonardo Santos. Método do Caso para o ensino em administração: fatores determinantes para sua utilização na visão de alunos e professores. 2012. 126 f. Dissertação (Mestrado em Administração). - Universidade do Vale do Itajaí, Biguaçu, 2012. Disponível em: https://siaiap39.univali.br/repositorio/handle/repositorio/1670. Acesso em: 13 mar. 2018.

PROBST, Gilbert J. B. Epilogue: Putting knowledge to work: Case-writing as a knowledge management and organizational learning tool. In: DAVENPORT, Thomas H.; PROBST, Gilbert J. B. (org.). Knowledge Management Case Book: Siemens Best Practices. 2. ed. Nova Iorque: John Wiley & Sons. 2002. p. 312-325.

SALVIATI, Maria Elisabeth. Manual do Aplicativo Iramuteq: versão 0.7 Alpha 2 e R Versão 3.2.3. 2017. [S. l.: s. n.], 2017. Disponível em: http://www.iramuteq.org/documentation/fichiers/manual-do-aplicativo-iramuteq-par-maria-elisabeth-salviati. Acesso em: 10 abr. 2019.

SANTOS, Alessandra de Souza. Utilização de método de casos para a gestão do conhecimento no Ministério Público do Estado de Minas Gerais. 2019. 221 f. Dissertação (Mestrado em Gestão Social, Educação e Desenvolvimento Local). - Centro Universitário UNA, Belo Horizote, 2019.

SANTOS, Alessandra de Souza; FIGUEIREDO, Frederico de Carvalho. O Método de Casos como ferramenta para a Gestão do Conhecimento no setor público: uma revisão sistemática da literatura. Revista Cesumar: Ciências Humanas e Sociais Aplicadas, Maringá, v. 24, n. 1, p. 175-195, jan./jun. 2018. Disponível em: https://periodicos.unicesumar.edu.br/index.php/revcesumar/article/view/7242/3501. Acesso em: 20 maio 2020. https://doi.org/10.17765/1516-2664.2019v24n1p175-195

SHARP, Brett. S.; AGUIRRE, Grant C.; KICKHAM, Kenneth. Managing in the public sector: a casebook in Ethics and Leadership. 2. ed. Nova Iorque: Routledge, 2017.

SILVA, Sergio Luis da. Gestão do conhecimento: uma revisão crítica orientada pela abordagem da criação do conhecimento. Ciência da Informação, Brasília, v. 33, n. 2, p. 143-151, maio/ago., 2004. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/ci/v33n2/a15v33n2.pdf. Acesso em: 25 mar. 2019. https://doi.org/10.1590/S0100-19652004000200015

TÜLÜCE, Hande Serdar. Using the case story method in a teacher education practicum: Affordances and constraints. Educational Sciences: Theory & Practice, v. 16, n. 4, p. 1275-1295, 2016. Disponível em: https://files.eric.ed.gov/fulltext/EJ1115046.pdf. Acesso em: 12 jan. 2019.

VÁZQUEZ-ZENTELLA, Verónica; PÉREZ GARCÍA, Teresa Verónica; DÍAZ BARRIGA ARCEO, Frida. El caso de Juan, el niño triqui. Una experiencia de formación docente en educación intercultural. Revista Mexicana de Investigación Educativa, México, v. 19, n. 60, p. 129-154, jan./mar., 2014. Disponível em: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=14029405007. Acesso em: 15 jan. 2019.

VEGA, Gina. The case writing workbook: a self-guided workshop. 2. ed. Nova Iorque: Routledge, 2017.

VEIGA, Ilma Passos Alencastro. Na sala de aula: o estudo dirigido. In: VEIGA, Ilma Passos Alencastro (org.). Técnicas de ensino: por que não? 21. ed. Campinas: Papirus, 2011. p. 67-88.

VON BAHTEN, Aline Cadena; ENGELHORN, Carlos Alberto. Engajando estudantes por meio da redação de bons casos: formação docente. Revista Diálogo Educacional, Curitiba, v. 17, n. 52, p. 387-407, out./dez., 2017. Disponível em: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=189154955005. Acesso em: 19 jan. 2019. https://doi.org/10.7213/1981-416X.17.052.DS04

ZITSCHER, Harriet Christiane. Metodologia do ensino jurídico com casos: teoria e prática: com exemplos do Direito do Consumidor e do Direito Civil. Belo Horizonte: Del Rey, 1999.

Publicado
2020-10-30
Como Citar
Santos, A. de S., & Figueiredo, F. de C. (2020). O Método de Casos para a Gestão do Conhecimento no Ministério Público: Um manual técnico para a implementação da ferramenta. Educação Por Escrito, 11(2), e33877. https://doi.org/10.15448/2179-8435.2020.2.33877
Seção
Artigos