“Nessas águas moventes onde se cruzam ficção e realidade”

Sobre a ficcionalidade em A audácia dessa mulher, de Ana Maria Machado

Palavras-chave: Ficcionalidade, Narrador, Ana Maria Machado, A audácia dessa mulher

Resumo

O resgate do passado por meio da linguagem narrativa assim como a problematização do processo de criação literária são assuntos recorrentes dos romances de Ana Maria Machado que instigam ao debate sobre a fronteira entre o real e o imaginário, ficção e realidade, memória e imaginação, verdade e mentira. Este trabalho pretende analisar o romance A audácia dessa mulher a partir dos procedimentos narrativos que levamos em consideração enquanto sinais de ficcionalidade presentes no romance. A partir dessas ocorrências discutem-se as noções da referencialidade, motivação narrativa, verosimilhança e verdade ficcional. Enfoque especial será colocado na análise do narrador. Na elaboração do trabalho, contamos com o apoio de textos teóricos de Mieke Bal e Michael Riffaterre que abordam a questão da ficcionalidade em textos narrativos. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Majda Bojić, Universidade de Zagreb (UniZG), Zagreb, Croácia.

Doutora em Literatura comparada pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade de Zagreb (UniZG), em Zagreb Croácia. Professora da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade de Zagreb (UniZG), em Zagreb, Croácia.

Referências

ARISTOTEL. O pjesničkom umijeću. Zagreb: Školska knjiga, 2005.

ASSIS, Machado de. Dom Casmurro. Porto Alegre: L&PM Editores, 1997.

COHN, Dorrit. Transparent Minds: Narrative Modes for Presenting Consciousness in Fiction. Princeton, N. J.: Princeton University Press, 1978.

COHN, Dorrit. The Distinction of Fiction. Baltimore: The Johns Hopkins University Press, 1999.

HAMBURGER, Käte. A lógica da criação literária. São Paulo: Editora perspectiva, 1986.

FINKELBERG, Margalit. Nem verdadeiro nem falso: a invenção da ficção na Atenas clássica, In: GALLE, Helmut P. E.; PEREZ, Juliana P.; PEREIRA, Valéria; S. (org.). Ficcionalidade: uma prática cultural e seus contextos. São Paulo: FFLCH/USP: FAPESP, 2018. p. 47-62. Disponível em: http://www.livrosabertos.sibi.usp.br/portaldelivrosUSP/catalog/book/286. Acesso em: 5 jun. 2021.

FLUDERNIK, Monika. Metanarrative and metafictional commentary: From Metadiscursivity to Metanarration and Metafiction. Poetica, [S. I.], v. 35, n. 1/2, p. 1-39, 2003. Disponível em: https://www.jstor.org/stable/43028318. Acesso em: 12 dez. 2021.

GALLE, Helmut P. E. Pequena introdução à teoria da ficcionalidade seguida de uma bibliografia. In: GALLE, Helmut P. E.; Galle PEREZ, Juliana P.; Perez, PEREIRA, Valéria; S. Pereira (org.). Ficcionalidade: uma prática cultural e seus contextos. São Paulo: FFLCH/USP: FAPESP, 2018. p. 17-43. Disponível em: http://www.livrosabertos.sibi.usp.br/portaldelivrosUSP/catalog/book/286. Acesso em: 5 jun. 2021.

GRDEŠIĆ, Maša. Uvod u naratologiju. Zagreb: Leykam, 2015.

LEITE, Ligia Chiappini Moraes. O foco narrativo (ou A polémica em torno da ilusão). Editora Ática, São Paulo: 1997.

MACHADO, Anamaria: A audácia dessa mulher. Rio de Janeiro: Objetiva, 2011.

REIS, Carlos. Dicionário de Estudos Narrativos. Coimbra: Almedina, 2018.

RIFFATERRE, Michael. Fictional truth. Baltimore The Johns Hopkins University Press, 1990.

VASCONCELOS, Sandra Guardini T. True lies. In: GALLE, Helmut P. E.; PEREZ Juliana P.; PEREIRA, Valéria S. (org.). Ficcionalidade: uma prática cultural e seus contextos. São Paulo: FFLCH/USP: FAPESP, 2018. p. 111-124. Disponível em: http://www.livrosabertos.sibi.usp.br/portaldelivrosUSP/catalog/book/286. Acesso em: 5 jun. 2021.

ZILBERMANN, Regina. Ana Maria Machado – A Audacia de uma escritora. Fragmentum, Santa Maria, n. 49, p. 185-196, jan./jun. 2017. Disponível em: https://periodicos.ufsm.br/fragmentum/article/view/27280/pdf. Acesso em: 5 jan. 2021.

Publicado
2022-07-11
Como Citar
Bojić, M. (2022). “Nessas águas moventes onde se cruzam ficção e realidade”: Sobre a ficcionalidade em A audácia dessa mulher, de Ana Maria Machado. Navegações, 15(1), e42979. https://doi.org/10.15448/1983-4276.2022.1.42979