O que tem afastado os jovens da participação política? Uma análise do caso de São Borja-RS

Palavras-chave: Cultura política, Socialização política, Participação política., Juventude

Resumo

O artigo em questão trata sobre uma pesquisa realizada na cidade de São Borja - RS, na qual buscamos captar e depois analisar os motivos que tem afastado os jovens, com direito facultativo ao voto, da participação política convencional na democracia representativa, que é o voto. Para isso a pesquisa foi realizada com jovens na faixa etária de 16 e 17 anos de idade, que não tinham tirado o título de eleitor, a fim de captar de forma mais clara as motivações e as influências que fazem com que os jovens que tenham o direito de votar não se utilizem do mesmo. Consideramos a participação política muito importante para um regime democrático representativo, como é o caso do Brasil, devido a isso o artigo visa colocar o assunto em pauta e contribuir para a temática. Ao decorrer do artigo iremos discorrer sobre alguns conceitos que são necessários para compreender a pesquisa, tais como cultura política, socialização política, confiança e participação política. E por fim, trazer algumas considerações sobre os resultados achados na pesquisa de campo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fernanda Weirich, Universidade Federal do Pampa (Unipampa), São Borja, RS.

Mestranda em Políticas Públicas pela Universidade Federal do Pampa (Unipampa, São Borja, RS, Brasil), Bacharel em Ciências Sociais - Ciência política pela Universidade Federal do Pampa (Unipampa, São Borja, RS.

 

Domingos Sávio Campos de Azevedo, Universidade Federal do Pampa (Unipampa), São Borja, RS,

Doutor em Ciência Política pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS, Porto Alegre, RS, Brasil), professor permanente do Programa de Pós-graduação em Políticas Públicas da Universidade Federal do
Pampa (Unipampa, São Borja, RS.

Referências

BAQUERO, Marcello. A democracia brasileira e a cultura política no Rio Grande do Sul - Porto Alegre: Editora da UFRGS, 2007.

BAQUERO, M. Cultura política e processo eleitoral no Brasil: o que há de novo. EM DEBATE EM DEBATE, 2010.

BAQUERO, Marcello; CASTRO, Henrique Carlos de Oliveira de; GONZÁLEZ, Rodrigo Stumpf. A construção da democracia na América Latina: estabilidade democrática, processos eleitorais, cidadania e cultura política. Porto Alegre/Canoas : Ed. Universidade/UFRGS/Centro Educacional La Salle de Ensino Superior, 1998.

BRASIL. Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. LDB: Lei das Diretrizes e Bases da Educação nacional. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Brasília, DF, 1996. Disponível em: Acesso em 01 dez. 2014.

BRASIL. LEI Nº 13.041, de 25 de setembro de 2008. Declara a cidade de São Borja, Terra dos Presidentes.

BRASÍLIA, DF: Senado Federal: Centro Gráfico, 1988. 292 p. BRASIL. Constituição (1988). Constituição da República Federativa do Brasil.

CARRANO, Paulo. A participação social e política de jovens no Brasil: considerações sobre estudos recentes. O social em questão, v. 27, p. 83-99, 2012.

CASTRO, Henrique Carlos de Oliveira de. Cultura política, democracia e hegemonia na América Latina. 2011.

COSTA, Andressa Liegi Vieira. Desconfiança e Desinteresse Político No Sul Do Brasil: Percepções da Juventude em Relação à Política. 2015.

DE CASTRO, Lúcia Rabello. Participação política e juventude: do mal-estar à responsabilização frente ao destino comum. Revista de Sociologia e Política, v. 16, n. 30, 2008.

DE MORAIS, Jennifer Azambuja; BAQUERO, Marcello. A internet e a construção de uma cultura política juvenil no Sul do Brasil.

DOS SANTOS, Marcus Vinícius Deorristte; BAQUERO, Marcello; DE MORAIS, Jennifer Azambuja. Corrupção e cultura política juvenil no Sul do Brasil. Revista Eletrônica Interações Sociais, v. 2, n. 1, p. 101-120, 2018.

FREJAT, Denise Nunes Martins. O voto como garantidor da legitimidade dos representantes do povo. 2014.

GOFFMAN, Erving. Os quadros da experiência social: uma perspectiva de análise.

Petrópolis: Editora Vozes. 2012.

GROTH, Terrie Ralph; MONTEIRO, Tatiára. “POLITICA NA ESCOLA”: AVALIANDO UMA ATIVIDADE DE PESQUISA AÇÃO (2003-08). 7º Encontro da ABCP - Recife, PE, 2010.

GUZZO, Raquel Souza Lobo e EUZEBIOS FILHO, Antonio. Desigualdade social e sistema educacional brasileiro: a urgência da educação emancipadora. Escritos educ.[online]. 2005, vol.4, n.2 [citado 2018-06-10], pp. 39-48 . Disponível em: <http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1677-98432005000200005&lng=pt&nrm=iso>. ISSN 1677-9843. Acesso em: 09/06/2018

NAZZARI, Rosana Katia. Capital social, cultura e socialização política: a juventude brasileira. Capital Social: teoria e prática, 2006.

MOISÉS, José Álvaro. A política contra a participação. Editora Marco Zero. São Paulo, 1990.

PEREIRA, Thiago Ingrassia. Os jovens e a política: contribuições do ensino de ciências sociais para a socialização política. Pensamento Plural | Pelotas [08]: 143 – 163 janeiro/junho 2011

PUTNAM, Robert D. Comunidade e democracia: a experiência da Itália moderna/Robert D. Putnam, com Robert Leonardi e Raffaella Y. Nanetti; tradução Luiz Alberto Monjardim. - 5 ed. - Rio de Janeiro: Editora FGV, 2006.

SCHIMIDT, João Pedro. Juventude e política no Brasil: a socialização política dos jovens na virada do milênio - Santa Cruz do Sul: EDUNISC, 2001.

SILVEIRA, Angelita Fialho; DE AMORIM, Maria Salete Souza. Socialização política e capital social: uma análise da participação da juventude no contexto escolar e político. Educação Unisinos, v. 9, n. 2, p. 155-163, 2005.

TOCQUEVILLE, Alexis. A democracia na América. São Paulo: Editora Abril, 1989.

Referências online:

Informe Latinobarómetro 2017. Disponível em: http://www.latinobarometro.org/latNewsShow.jsp. Acesso em 22/11/2018.

Publicado
2020-08-20
Como Citar
Weirich, F., & de Azevedo, D. S. C. (2020). O que tem afastado os jovens da participação política? Uma análise do caso de São Borja-RS. Conversas & Controvérsias, 7(1), e35149. https://doi.org/10.15448/2178-5694.2020.1.35149
Seção
Dossiê - Juventudes, participação e políticas públicas