The place of translation in the 21st century English teaching-learning

Keywords: english teaching and learning, translation, post-method

Abstract

Despite the criticisms that can be made of the use of translation in teaching and learning English, it is still widely used, in different ways. Recognizing the controversies of this theme, this bibliographic research aims to understand the place of translation in the 21st century English teaching-learning process. In addition to books and scientific papers, we also sought to look at the National Common Curricular Base (BNCC), since this is the most recent normative document for the development of curricula and pedagogical proposals in Brazil. Translation as a method presents weaknesses, considering that the ability of the methods to be adequate in the face of the challenges that are being posed has been questioned, this, the oldest, can be seen as a legacy that no longer makes sense. As a resource, it was found that the translation is in a better situation. Being able to collaborate for the English language learning, for the development of linguistic perceptions, and of the awareness that involves several aspects of the English language, as well as the mother tongue, as long as it is thought of as a significant, current, contextualized resource that takes into account the particularities and needs of students.

Downloads

Download data is not yet available.

Author Biography

Lucas Alves Selhorst, Universidade do Sul de Santa Catarina (UNISUL), Palhoça, SC, Brasil.

Licenciado em Letras – Inglês pelo Centro Universitário Leonardo da Vinci (UNIASSELVI), em Tubarão, SC, Brasil; mestrando em Ciências da Linguagem na Universidade do Sul de Santa Catarina (UNISUL), em Palhoça, SC, Brasil; bolsista Capes/Prosuc; professor de Inglês na rede municipal de Imaruí, em Imaruí, SC, Brasil.

References

Benjamin, W. (2018). Linguagem, tradução, literatura (filosofia, teoria e crítica). (1. ed., Tradução de João Barrento). Autêntica Editora.

Bergmann, J. C. F., & Lisboa, M. F. A. (2013). Teoria e Prática da Tradução. Editora InterSaberes.

Bissaco, C. M. (2015). Pós-método: o importante papel da reflexão do professor nas escolhas em sala de aula. Travessias, 23, 210-223. http://e-revista.unioeste.br/index.php/travessias/article/download/11792/8779

Brasil. (2017) Base Nacional Comum Curricular. Ministério da Educação e Cultura (MEC). http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_docman&view=download&alias=79601-anexo-texto-bncc-reexportado-pdf-2&category_slug=dezembro-2017-pdf&Itemid=30192

Campos-Gonella, C. O. (2007). A influência do material didático na motivação de aprendizes da língua inglesa em contexto de ensino público. São Carlos: [Dissertação de Mestrado, Universidade Federal de São Carlos]. http://www.leffa.pro.br/tela4/Textos/Textos/diserta_online/Cristiane_Campos_Gonella.pdf

Corrêa, T. H. (2017). “To be or not to be”? Uma análise da prática da oralidade nas aulas de língua inglesa das escolas públicas do estado de Minas Gerais: realidade ou utopia? PERcursos linguísticos, 7(14), 295-313. http://periodicos.ufes.br/percursos/article/view/15625

Furlanetto, P. F. (2019). O professor global e o ensino da Língua Inglesa: uma visão a partir do pós-método. InterSaberes.

Gomes, M. L. de C. (2012). Prefácio. In Lapkoski, G. A. de O. Do texto ao sentido: teoria e prática de leitura em língua inglesa (pp. 7-8). InterSaberes.

Knechtel, M. do R. (2014). Metodologia da pesquisa em educação: uma abordagem teórico-prática dialogada. InterSaberes.

Lakatos, E. M., & Marconi, M. A. (2017). Metodologia do trabalho científico: projetos de pesquisa/ pesquisa bibliográfica, teses de doutorado, dissertações de mestrado, trabalhos de conclusão de curso. Atlas.

Leffa, V. (2012). Ensino de línguas: passado, presente e futuro. Belo Horizonte: Revista de Estudos da Linguagem, 20(2), 389-411. http://periodicos.letras.ufmg.br/index.php/relin/article/view/2755/2710

Lucindo, E. S. (2006). Tradução e ensino de línguas estrangeiras. Scientia Traductionis, 3, 1-11. https://periodicos.ufsc.br/index.php/scientia/article/view/12933/12064.

Marques, F. S. (2012). Ensinar e aprender inglês: o processo comunicativo em sala de aula. InterSaberes.

Pertel, T. (2009). Tradução e ensino aprendizagem de língua inglesa: leitura e análise contrastiva como exercícios de construção de significados. Revista (Com)Textos linguísticos, n. especial, 135-144. https://periodicos.ufes.br/contextoslinguisticos/article/view/5269

Kumaravadivelu, B. (2001). Toward a Postmethod Pedagogy. TESOL Quarterly, 35(4), 537-560. http://www.bkumaravadivelu.com/articles%20in%20pdfs/2001%20Kumaravadivelu%20Postmethod%20Pedagogy.pdf

Roca, P (2009). Relações de simulação e relações de autenticidade no ensino de línguas vivas. In Pereira, R. C. M., & Roca, P. Linguística aplicada: um caminho com diferentes acessos (pp. 143-171). Editora Contexto.

Sanches, M. de F. G. (2011). As estratégias utilizadas no ensino de língua inglesa no pós método para nativos e imigrantes digitais. Augusto Guzzo Revista Acadêmica, 11, 50-59. http://fics.edu.br/index.php/augusto_guzzo/article/view/151/210

Souza, S. E. de. (2007). O uso de recursos didáticos no ensino escolar. I Encontro de Pesquisa em Educação, IV Jornada de Prática de Ensino, XIII Semana de Pedagogia da UEM: “Infância e Práticas Educativas”, Maringá, PR, Brasil. http://www.dma.ufv.br/downloads/MAT%20103/2015-II/slides/Rec%20Didaticos%20-%20MAT%20103%20-%202015-II.pdf

Tecchio, I. & Bittencourt, M. (2011). A Tradução no Ensino-Aprendizagem de Línguas Estrangeiras. Revista Magistro, 2(1). http://publicacoes.unigranrio.edu.br/index.php/magistro/article/viewFile/1471/765

TERRA, M. R. (2010). Tradução & aprendizado de língua estrangeira: o ponto de vista do aluno. Trabalhos em Linguística Aplicada, 49(1), 69-85. https://doi.org/10.1590/S0103-18132010000100006

Uphoff, D. (2008). A história dos Métodos de Ensino de Inglês no Brasil. In BologninI, C. Z. A língua inglesa na escola. Discurso e ensino (pp. 9-15). Mercado de Letras. https://edisciplinas.usp.br/pluginfile.php/4490214/mod_resource/content/5/Uphoff%202008.pdf

Published
2021-11-05
How to Cite
Selhorst, L. A. (2021). The place of translation in the 21st century English teaching-learning. BELT - Brazilian English Language Teaching Journal, 12(1), e38985. https://doi.org/10.15448/2178-3640.2021.1.38985