Recursos Familiares e Desempenho de Crianças em Compreensão de Leitura

Rebecca de Magalhães Monteiro, Acácia Aparecida Angeli Santos

Resumo


O presente trabalho investigou os recursos familiares e sua relação com o desempenho em compreensão de leitura de alunos do 3º ao 5º ano do Ensino Fundamental de uma escola pública e outra particular de Belo Horizonte, Brasil. Também foram exploradas as diferenças relativas ao tipo de escola (pública e particular). Participaram 404 crianças com idades entre 7 e 13 anos (M = 9,10; DP = 1,20). Os instrumentos utilizados foram o Inventário dos Recursos do Ambiente Familiar - RAF e dois testes de Cloze, para avaliação da compreensão de leitura. Foi encontrada uma correlação positiva e significativa entre as categorias e o total do RAF com os escores médios do Cloze. Os resultados revelaram uma diferença estatisticamente significativa entre as médias dos alunos no RAF e no Cloze, favorecendo os alunos da escola particular. Verificou-se a importância da avaliação dessas variáveis para que ações de prevenção no âmbito do ensino público possam ser empreendidas.


Palavras-chave


Recursos familiares; compreensão de leitura; avaliação psicoeducacional.

Texto completo:

PDF


e-ISSN: 1980-8623 | ISSN-L: 0103-5371


Exceto onde especificado diferentemente, aplicam-se à matéria publicada neste periódico os termos de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional, que permite o uso irrestrito, a distribuição e a reprodução em qualquer meio desde que a publicação original seja corretamente citada.