Fotos que fazem falar: desafios metodológicos para análise de redes temáticas em fotologs

Sandra Portella Montardo

Resumo


A predominância de fotologs compondo uma rede temática sobre Síndrome de Down (SD), e sua insignificância numérica em outras redes sobre Pessoas com Necessidades Especiais (PNE) analisadas, faz perguntar: o que se faz melhor em fotologs do que em blogs? O que se faz em blogs que não se torna tão relevante para os pais de crianças com SD? Frente a isso, o objetivo deste artigo é identificar o processo de Inclusão Social (IS) nessa rede, a partir da aplicação de metodologia em duas etapas. Enquanto a netnografia (Hine, 2005, Kozinets, 2002) é utilizada para a identificação, seleção e obtenção de dados dos fotologs selecionados, a Análise de Redes Sociais (ARS) fornece substrato metodológico para a análise das trocas empreendidas na mesma. Assim, buscase entender a foto como motivo de socialização em fotologs e a opção por este tipo de suporte nesta rede temática.

Palavras-chave


Comunicação; socialização on-line; fotologs

Texto completo:

PDF

Referências


AZEVEDO, P. H.; BARROS, J. F. O nível de participação do Estado na gestão do esporte brasileiro como fator de inclusão social de pessoas portadoras de deficiência. Revista Brasileira de Ci e Movimento. Brasília, v. 12 n. 1 p. 77-84. Jan/Mar 2004.

BAZTÁN, A. Etnografía. Metodologia cualitativa em la investigación sociocultural. Barcelona: Boixareu Universitária, 1995.

BENKENSTEIN, Arnoldo MONTARDO, S. P.; PASSERINO, Liliana. Análise das Redes Sociais em Blogs de Pessoas com Necessidades Especiais (PNE). In: Revista Novas Tecnologias na Educação (RENOTE). Porto Alegre: UFRGS, Vol. 5, no. 2, Dez. 2007. Disponível em: . Acesso em 5 de out. 2008.

BERTOLINI, S.; BRAVO, G. Social Capital, a Multidimensional Concept. Disponível em

other/bertolini.pdf>. Acesso em 10 out. 2008.

BISSOTO, M. L. Desenvolvimento cognitivo e o processo de aprendizagem do portador de Síndrome de Down: revendo concepções e perspectivas educacionais. In: Revista Ciências e Cognição, 2005, Vol. 4, pp. 80-88.

BOGDAN, R. Investigação qualitativa em educação: uma introdução à teoria e aos métodos. Lisboa: Porto, 1999.

BREIGER, R. The Duality of Persons and Groups. Social Forces, vol 53, n. 2, p.181- 190, dez. 1974.

FELDMAN-BIANCO, B.; MOREIRA LEITE, M. Desafios da imagem. Fotografia, iconografia e vídeo nas ciências sociais. Campinas, SP: Papirus, 1998.

GALANO, A. M. Iniciação à pesquisa com imagens. In: FELDMAN-BIANCO, B.; MOREIRA LEITE, M. Desafios da imagem. Fotografia, iconografia e vídeo nas ciências sociais. Campinas, SP: Papirus, 1998.

GOETZ, J. P. e LECOMPTE, M. Etnografia y Diseño Cualitativo en InvestigaciónEducativa. Madri: Morata, 1988.

GRANOVETTER, M. The strenght of weak ties: a network theory revisited. In: Sociological Theory, Volume 1. 1983, p.201-233.

___. The strenght of weak ties. In: American Journal of Sociology, 78, p. 1360-1380, 1973. Happy Down. Disponível em . Acesso em 10 out. 2008.

HINE, C. (Ed.). VirtualMethods.Issuesin Social Research on the Internet. Oxford: Berg, 2005.

___. The field behind the screen. Using Netnography for marketing research in online communities, 2002. Disponível em: http://www.marketingpower.com/content18255.php. Acesso em 9 out. 2008.

LADEIRA, F.; AMARAL, I. A educação de alunos com multideficiência nas Escolas de Ensino Regular. Coleção Apoios Educativos. Lisboa: Ministério da Educação.Departamento da Educação Básica, 1999.

KHALID, H.; DIX, A. (2007). I know what you did in last Summer.What can we learn from photoblog? Disponível em . Acesso em 5 out. 2008.

KHUN Jr., N. Painéis Fotográficos na Internet. Um estudo dos Fotologs como molduras de mostração. Tese de Doutorado. Programa de Pós-Graduação em Ciências da Comunicação. Universidade do Vale do Rio

do Sinos. São Leopoldo, 2008.

MARTINI, F. de O.; LIPP, L.K.; SANTOS, T. F. ; OLIVEIRA-MENEGOTTO, L. M. Você tem Síndrome de Down: algumas reflexões sobre a não-comunicação do diagnóstico entre pais e filhos. In: Revista Prâksis. Novo Hamburgo, Ano 4, V. 2, Ago. 2007, pp. 31-37. Disponível em . Acesso em 8 out. 2008.

McDONALD, D. (2007) Visual Conversations Styles in Web Comunities. In: Proceedings of the 40th Hawaii International Conference on System Sciences. Disponível em:

hicss/2007/2755/00/27550076a.pdf>. Acesso em 5 out. 2008.

MONTARDO, S.P.; GOEDTEL, E. F.; ETCHEGARAY, M. S. Redes temáticas em fotologs: proposições iniciais para o estudo de caso sobre Síndrome de Down (SD). In: Revista Novas Tecnologias na Educação (Renote). Porto Alegre: UFRGS, Vol. 6, no. 1, Jul. 2008. Disponível em: Acesso em 9 out. 2008.

MONTARDO, S. P. ; PASSERINO, L. Espelhos quebrados no ciberespaço: implicações de redes temáticas em blogs na Análise de Redes Sociais (ARS). Trabalho aceito no GT Comunicação e Cibercultura, do 17º. Encontro da Associação Nacional de Programas de Pós-Graduação em Comunicação (Compós). São Paulo, UNIP, 2008. Disponível em

www.compos.org.br>. Acesso em 10 out. 2008.

___. Inclusão social via acessibilidade digital: proposta de inclusão digital para Pessoas com Necessidades Especiais (PNE). In: e-Compós. Edição8. Abr. 2007. Disponível em:. Acesso em 10 out. 2008.

___. Estudo dos blogs a partir da netnografia: possibilidades e limitações. In: Revista Novas Tecnologias na Educação (Renote). Porto Alegre: UFRGS, Vol. 4, no. 2, Dez. 2006. Disponível em: . Acesso em 10 out. 2008.

MOREIRA LEITE, M. Texto visual e texto verbal. In: FELDMAN-BIANCO, B.; MOREIRA LEITE, M. Desafios da imagem. Fotografia, iconografia e vídeo nas ciências sociais. Campinas, SP: Papirus, 1998.

PEREIRA SILVA, N. L.; DESSEN, M. A.Síndrome de Down: etiologia, caracterização e impacto na família. In: Revista Interação em Psicologia, 2002, 6 (2), p. 167-176.

RECUERO, R. Práticas de sociabilidade em sites de redes sociais: Interação e capital social nos comentários dos fotologs. In: 17º Encontro da Associação Nacional dos Programas de Pós-Graduação em Comunicação Social. Disponível em: . Acesso em 10 out. 2008.

___. Comunidades em Redes Sociais na Internet. Proposta de tipologia baseada no Fotolog.com. Tese de Doutorado. Programa de Pós-Graduação em Ciências da Comunicação e da Informação. Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Porto Alegre, 2006.

___. Comunidades virtuais em redes sociais: uma proposta de estudo In: E-Compós, Brasilia, Compós, v.4, Dez 2005. (2005). Acesso em 5 out. 2008.

RIGONI, D. A vivência dos jovens nas comunidades virtuais: indicativo para ações pedagógicas. In: Associação Brasileira de Educação à Distância. Anais. 2006. Disponível em . Acesso em 5 out. 2008.

RUTTER, J. SMITH, G. Etnographic Presence in a Nebulous Setting. In: HINE, C.(Org.).Virtual Methods. Issues in Social Research on the Internet. Oxford: Berg, 2005.

SPOSATI, A. A fluidez da inclusão/exclusão social. Ciência e Cultura, vol. 58, no. 4., São Paulo, Out/Dec. 2006.

WARSCHAUER, M. Tecnologia e Inclusão Social. A exclusão digital em debate.




DOI: http://dx.doi.org/10.15448/1980-3729.2008.37.4803

Métricas do Artigo

Carregando métricas...

Métricas por PLOS ALM. Dados disponíveis somente após 12/2014.



 


 This journal is a member of, and subscribes to the principles of, the Committee on Publication Ethics (COPE) http://www.publicationethics.org

 


Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 


ISSN-L: 1415-0549 | e-ISSN: 1980-3729 | Copyright: © 2017 EDIPUCRS

Avaliação do Qualis CAPES | ÁREA CAPES - Ciências Sociais Aplicadas | CLASSIFICAÇÃO - A2

REVISTA FAMECOS: publicação do Programa de Pós-Graduação da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul - PPGCOM/PUCRS
Av. Ipiranga, 6681, Prédio 7 | Bairro Partenon - CEP: 90619-900 | Porto Alegre, RS, Brasil
tel/fax: 55 51 3320.3658
e-mail: revistadafamecos@pucrs.br