Fenômeno Bullying: desvendando esta violência nas escolas públicas de Porto Alegre

Andréia Mendes dos Santos, Patrícia Krieger Grossi

Resumo


Bullying é uma palavra inglesa que foi adotada em diversos países para se referir à intimidação. Brigas, ofensas, comentários maldosos, agressões físicas e psicológicas, repressão são tipos de violência geralmente associados à infância. Estudos indicam que brincadeiras de mau gosto podem gerar conseqüências sérias como baixa auto-estima, novas fontes de violência e, inclusive, casos de suicídio. Este estudo vem sendo desenvolvido desde julho de 2007 em quatro escolas publicas da cidade de Porto Alegre – RS, totalizando 192 alunos participantes. Através de questionário e grupos focais observou-se que mais de 70% dos alunos percebem a existência de preconceitos no ambiente escolar e quase 40% consideram regular/ ruim/ péssimo as relações na escola, refletindo o mal-estar do estudante em relação à escola. Essa dinâmica vem levando cada vez mais jovens ao isolamento e a exclusão.

Palavras-chave: bullying, violência, juventude.

Texto completo:

PDF



Licença Creative Commons
Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Textos & Contextos (Porto Alegre)
eISSN: 1677-9509
DOI: 10.15448/1677-9509
Avaliação do Qualis CAPES - 2016
Área Capes - Serviço Social
Classificação: A2
E-mail: textos@pucrs.br
 
 
Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras. Disponibilidade para depósito: Azul
 
 
Copyright: © 2006-2019 EDIPUCRS