Análise da Implantação das Patrulhas Maria da Penha nos Territórios da Paz em Porto Alegre: avanços e desafios / Implementation Analysis of the Maria da Penha Patrols in Peace Territories in Porto Alegre: advances and challenges

  • Marlene Inês Spaniol PUCRS
  • Patrícia Krieger Grossi PUCRS
Palavras-chave: Violência de Gênero. Violência Doméstica. Patrulhas Maria da Penha. Atividade Policial.

Resumo

O artigo apresenta a experiência da implantação das Patrulhas Maria da Penha pela Polícia Militar do Estado do Rio Grande do Sul, numa ação de fiscalização do cumprimento de medidas protetivas determinadas judicialmente e também de ação policial preventiva, para evitar reincidências e novas violências de gênero. Mostra, ainda, os resultados deste projeto-piloto junto aos quatro Territórios da Paz, no município de Porto Alegre, instalados em bairros com altas taxas de violência e criminalidade e, diante dos resultados neste primeiro ano de atuação, os esforços para sua ampliação para todo o Estado.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marlene Inês Spaniol, PUCRS
Doutoranda em Ciências Sociais do PPGCS da PUCRS
Patrícia Krieger Grossi, PUCRS
Professora Dra. do Programa de Graduação e de Pós-graduação em Serviço Social da PUCRS Professora do Programa de Pós-graduação em Gerontologia Biomédica da PUCRS Coordenadora do Núcleo de Estudos e Pesquisa em Violência, Ética e Direitos Humanos - NEPEVEDH Pesquisadora Produtividade do CNPq
Publicado
2014-12-30
Como Citar
Spaniol, M. I., & Grossi, P. K. (2014). Análise da Implantação das Patrulhas Maria da Penha nos Territórios da Paz em Porto Alegre: avanços e desafios / Implementation Analysis of the Maria da Penha Patrols in Peace Territories in Porto Alegre: advances and challenges. Textos & Contextos (Porto Alegre), 13(2), 398 - 413. https://doi.org/10.15448/1677-9509.2014.2.18192
Seção
Gênero, Saúde e Violência