Sociologia no Ensino Médio: institucionalização da disciplina e produção científica sobre o tema

Kelen Christina Leite, Marcos Francisco Martins, Maria Carla Corrochano, Carolina Modena da Silva

Resumo


Este artigo teve por objetivo assinalar o processo de institucionalização da Sociologia no ensino médio brasileiro, marcada pela intermitência entre obrigatoriedade, facultatividade e completa ausência da disciplina nas escolas. Para tanto se fez um rápido histórico da Sociologia no ensino médio, discutiu-se os desafios postos à área da Sociologia e das Ciências Sociais no que tange ao ensino da disciplina. Buscou-se, ainda, mapear a produção acadêmica acerca da Sociologia no ensino médio a partir das publicações de trabalhos apresentados nos Congressos da ANPOCS (Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Ciências Sociais), da ANPED (Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação) e da SBS (Sociedade Brasileira de Sociologia). Conclui se que os desafios postos para o campo são inúmeros, dentre eles destacam-se: a discussão sobre os cursos de graduação e a relação entre bacharelado e licenciatura; a questão do currículo da disciplina; materiais didáticos; poucas horas aula no ensino médio e a necessidade de consolidação de uma área de pesquisa específica sobre ensino de sociologia não apenas em Programas de Educação, mas, sobretudo nos Programas de Sociologia e/ou Ciências Sociais.


Palavras-chave


Sociologia. Ensino de Sociologia. Ensino Médio.

Texto completo:

PDF

Referências


BEISIEGEL, Celso de Rui. Ação política e expansão da rede escolar. São Paulo: CRPE, Pesquisa e Planejamento, 1964.

BEISIEGEL, Celso de Rui. Estado e educação popular. São Paulo: Pioneira, 1974.

BEISIEGEL, Celso de Rui. Relações entre a quantidade e a qualidade do ensino comum. A qualidade do ensino na escola pública. Brasília: Líber, 2006.

CARDOSO, Fernando Henrique; IANNI, Otavio. As Exigências Educacionais do Processo de Industrialização. Revista Brasiliense, São Paulo, v. 26, 1959.

DAYRELL, Juarez Tarcisio. A escola “faz” as juventudes? Reflexões em torno da socialização juvenil. Educação e Sociedade, Campinas, v. 28, n. 100, p. 1105-1128, out. 2007.

DIAS, Viviane Gonçalves. Pesquisa e ensino de sociologia no ensino médio: desafios e possibilidades. In: HANDFAS, Anita; POLESSA, Maçaira Julia (Org.). Dilemas e perspectivas da Sociologia na Educação Básica. Rio de Janeiro: e-papers, 2012.

FERNANDES, Florestan. Ensaios de Sociologia Geral e Aplicada. São Paulo, Pioneira, 1960.

FERREIRA, Fátima de Oliveira; CARNEIRO, Silzane de Almeida. Nem tudo que é social é sociológico: sociologia e senso comum na escola básica. In: HANDFAS, Anita; POLESSA, Maçaira Julia (Org.). Dilemas e perspectivas da Sociologia na Educação Básica. Rio de Janeiro: e-papers, 2012.

FORACCHI, Marialice. O estudante e a transformação da sociedade brasileira. São Paulo, Nacional, 1965.

FORACCHI, Marialice. A juventude na sociedade moderna. São Paulo: Pioneira, 1972.

HANDFAS, Anita. Formação dos professores de Sociologia: um debate em aberto. Dilemas e perspectivas da Sociologia na Educação Básica. Rio de Janeiro: e-papers, 2012.

HANDFAS, Anita. A Sociologia no ensino médio: experiências em Santa Catarina. Anais do XII Congresso Brasileiro de Sociologia, realizado em Belo Horizonte-MG, de 31 de maio a 03 de junho de 2005.

JOSEFA, Alexandrina Silva. Sociologia no Ensino Médio no Estado de São Paulo: entre o proposto e o apropriado. Anais do XV Congresso Brasileiro de Sociologia, realizado em Curitiba-PR, de 26 a 29 de julho de 2011.

KRAWCZYK, Nora. Conhecimento crítico e política educacional: um diálogo difícil, mas necessário. In: KRAWCZYK, Nora (Org.). Sociologia do ensino médio: crítica ao economicismo na política educacional. São Paulo: Cortez, 2014.

MACHADO, Celso de Souza. O Ensino da Sociologia na escola secundária brasileira: levantamento preliminar. Revista da Faculdade de Educação, São Paulo, v. 13, n. 1, p. 115-142, 1987.

MARTINS, José de Souza. Florestan. Sociologia e consciência social no Brasil. São Paulo: Edusp/Fapesp, 1998.

MORAES, Amaury César. Licenciatura em Ciências Sociais e Sociologia. Tempo Social, São Paulo, v. 15, n. 1, p. 5-20, maio 2003.

MORAES, Amaury César. Parecer sobre o ensino de Filosofia e de Sociologia. Mediações, Revista de Ciências Sociais do Programa de Pós-Graduação da Universidade Estadual de Londrina, Londrina, v. 12, n. 1, jan./jun. 2007. Dossiê Ensino de Sociologia. Disponível em: . Acesso em: 25 fev. 2016.

MORAES, Amaury César. Ciência e ideologia na prática dos professores de Sociologia no Ensino Médio: da neutralidade impossível ao engajamento indesejável, ou seria o inverso? Educação & Realidade, Porto Alegre, v. 39, n. 1, p. 17-38, jan./mar. 2014. Disponível em: . Acesso em: 27 dez. 2015.

OLIVEIRA, Amurabi. Ensino de Sociologia, Estado Nacional e reflexividade: formação de um campo. Anais do XV Congresso da Sociedade Brasileira de Sociologia, Curitiba, julho 2011.

PEREIRA, Luiza Helena. Qualificando Futuros Professores de Sociologia. Mediações, Londrina, v. 12, n. 1, p. 143-158, jan/ jun. 2007.

PIMENTA, Rosangela Duarte. Ensino e pesquisa: do pedágio ao trânsito livre. In: RAMALHO, José Rodorval; SOUZA, Rozenval de Almeida (Org.). PIBID: memórias de iniciação à docência. Campina Grande: Editora UFCG, 2013.

RODRIGUES, José Albertino. Durkheim. São Paulo: Ática 1995. (Col. Grandes Cientistas Sociais).

SANTOS, Mário Bispo. O PIBID na área de Ciências Sociais: condições epistemológicas e perspectivas sociológicas. Revista Brasileira de Sociologia, São Paulo, v. 2, n. 3, jan./jun. 2014.

SARANDY, Flávio Marcos Silva. Reflexões acerca do sentido da Sociologia no Ensino Médio: desenvolver a perspectiva sociológica: objetivo fundamental da disciplina no Ensino Médio. Revista Espaço Acadêmico, v. 5, out. 2001. Disponível em .

SARANDY, Flávio Marcos Silva. O ensino de sociologia na escola média brasileira e as apropriações simbólicas da disciplina. Anais do XV Congresso Brasileiro de Sociologia, realizado em Curitiba-PR, 26 a 29 julho 2011.

SILVA, Ileizi Fiorelli. A Sociologia no Ensino Médio: os desafios institucionais e epistemológicos para a consolidação da disciplina. Anais do XII Congresso Brasileiro de Sociologia – SBS, Belo Horizonte, MG, 2005.

SILVA, Ileizi Fiorelli. O Ensino das Ciências Sociais/ Sociologia no Brasil: histórico e perspectivas. MEC, Brasília, 2010. (Col. Explorando o Ensino – Sociologia. Cood. Amaury César Moraes).

SILVA, Ileizi Fiorelli et al. O ensino de ciências sociais: mapeamento do debate em periódicos das ciências sociais e da educação de 1940-2001. Anais do XII Congresso Nacional de Sociólogos. Curitiba, 1 a 4 abril 2002.

SPOSITO, Marilia Pontes. Uma perspectiva não escolar no estudo sociológico da escola. Revista USP, São Paulo, n. 57, p. 210-226, mar.-maio, 2003.




DOI: http://dx.doi.org/10.15448/1981-2582.2018.1.25548

Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org


Apoio Institucional – fev./dez. 2012 referente ao Edital MCTI/CNPq/MEC/CAPES Nº. 15/2011.




Educação

e-ISSN 1981-2582
ISSN-L 0101-465X


Avaliação do Qualis CAPES - 2014 
ÁREA CAPES - Educação
CLASSIFICAÇÃO - A2

E-mail: reveduc@pucrs.br



Licença Creative Commons
Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

 

Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras.

Disponibilidade para depósito: Azul

 

Copyright: © 2006-2017 EDIPUCRS