A fotografia na era da incompetência técnica

  • Michel de Oliveira Universidade Estadual de Londrina
  • Maria Luísa Hoffmann Universidade Estadual de Londrina
Palavras-chave: Fotografia, cultura visual, automação do ato fotográfico

Resumo

Este artigo parte do controverso “selfie do macaco” para levantar uma questão: quem fotografa hoje, o homem ou a câmera? Em busca de traçar uma resposta possível, apresenta um breve histórico do processo de automação do ato fotográfico e um esboço crítico-analítico nominado de incompetência técnica, com o objetivo de compreender como a programação da câmera se sobrepôs à vontade de quem a usa. A discussão tem como aporte principal a Teoria Crítica de Benjamin e Flusser, e as contribuições de Soulages e Rouillé. A partir desse exercício teórico-conceitual, foi possível apreender que a intenção humana tem sido substituída pelas predefinições dos aparelhos, um dos motivos pelo qual a fotografia ainda é vista como uma construção meramente técnica, afetada em seu potencial comunicativo. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Michel de Oliveira, Universidade Estadual de Londrina

Mestrando em Comunicação e especialista em Fotografia: Práxis e Discurso, ambos pela Universidade Estadual de Londrina (UEL). Graduado em Comunicação Social – Jornalismo, pela Universidade Federal de Sergipe (UFS). E-mail: [email protected]

Maria Luísa Hoffmann, Universidade Estadual de Londrina
Doutora em Ciências da Comunicação pela Universidade de São Paulo (USP). Docente na Especialização em Fotografia: Práxis e Discurso Fotográfico da Universidade Estadual de Londrina (UEL). E-mail: [email protected]

Referências

BAITELLO JUNIOR, Norval. A era da iconofagia. São Paulo: Hacker Editores, 2005.

BENJAMIN, Walter. Magia e técnica, arte e política: ensaios sobre literatura e história da cultura. São Paulo: Brasiliense, 2012.

DUBOIS, Philippe. O ato fotográfico. 13. ed. Campinas: Papirus, 2010.

FABRIS, Annateresa. Identidades virtuais: uma leitura do retrato fotográfico. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2004.

FLUSSER, Vilém. O universo das imagens técnicas: elogio da superficialidade. São Paulo: Annablume, 2008.

________. Filosofia da caixa preta: ensaios para uma futura filosofia da fotografia. Rio de Janeiro: Relume Dumará, 2009.

KOSSOY, Boris. Fotografia e história. 4. ed. São Paulo: Ateliê Editorial, 2012.

ROUILLÉ, André. Fotografia: entre documento e arte contemporânea. São Paulo: Senac, 2009.

SONTAG, Susan. Sobre fotografia. São Paulo: Companhia das Letras, 2004.

SOULAGES, François. Estética da fotografia: perda e permanência. São Paulo: Senac, 2010.

Publicado
2015-09-08
Como Citar
Oliveira, M. de, & Hoffmann, M. L. (2015). A fotografia na era da incompetência técnica. Revista FAMECOS, 22(4), 86-103. https://doi.org/10.15448/1980-3729.2015.4.20524
Seção
Tecnologias do Imaginário