As virtudes do melhor amigo: a defesa do valimento e a construção do ideal de Perfeito Privado na Espanha do século XVII

  • Ricardo de Oliveira Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro
Palavras-chave: Privança, Monarquia Hispânica, Pensamento Político

Resumo

A controversa personagem do privado foi motivo de inúmeras polêmicas durante o século XVII no âmbito da Monarquia Hispânica, principalmente no contexto dos Reinados de Felipe III e Felipe IV. Diversos autores debruçaram-se sobre o tema para atacar a figura do favorito, enquanto inúmeros outros defenderam a sua legitimidade como devotados amigos do rei, a ajudá-lo na condução dos negócios do Império. Inerente a esse fenômeno, deu-se a criação do gênero literário denominado espelho de privança. Este artigo pretende interrogar o sentido de algumas destas construções positivas do valimento no âmbito do pensamento político espanhol do século XVII.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ricardo de Oliveira, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro
Doutor em História Social pelo PPGHIS, IFCS-UFRJ. Prof. do Curso de Graduação e do Programa de Pós-Graduação em História da Universida Federal Rural do Rio de Janeiro.
Publicado
2009-09-14
Como Citar
Oliveira, R. de. (2009). As virtudes do melhor amigo: a defesa do valimento e a construção do ideal de Perfeito Privado na Espanha do século XVII. Estudos Ibero-Americanos, 35(1). https://doi.org/10.15448/1980-864X.2009.1.4068
Seção
Artigos