Conselheiros Tutelares: Um estudo acerca de suas representações e de suas práticas

  • Hebe Signorini Gonçalves UFRJ
  • Thiago Sandes de Brito UFRJ
Palavras-chave: direitos da criança, Conselho Tutelar, representações sociais

Resumo

O texto traz dados acerca das representações dos conselheiros tutelares do estado do Rio de Janeiro. Em 2006, 226 conselheiros responderam a questionários e 11 foram entrevistados; em 2010, 10 conselheiros foram entrevistados. Os resultados mostram e discutem discrepâncias entre as propostas do Estatuto da Criança e do Adolescente e as representações dos conselheiros que participaram dos trabalhos, sobretudo no que diz respeito ao lugar da família enquanto responsável pela garantia de direitos de crianças e adolescentes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Thiago Sandes de Brito, UFRJ
Psicólogo formado pelo Instituto de Psicologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro; mes- trando do Programa de Pós-Graduação em Políticas Públicas e Formação Humana da Univer- sidade do Estado do Rio de Janeiro.
Publicado
2011-07-13
Como Citar
Gonçalves, H. S., & Brito, T. S. de. (2011). Conselheiros Tutelares: Um estudo acerca de suas representações e de suas práticas. Civitas - Revista De Ciências Sociais, 11(1), 56-77. https://doi.org/10.15448/1984-7289.2011.1.9194