Estado e sociedade em tempos de transnacionalismo

  • Teresa Cristina Schneider Marques Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
  • Olivier Dabène Instituto de Estudos Políticos de Paris

Resumo

---

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

AVRITZER, Leonardo. Sociedade civil e estado no Brasil: da autonomia à interdependência política. Opinião Pública, v. 18, n. 2, p. 383-398, 2012 <10.1590/ S0104- 2762012000200006>.

BECK, Ulrich. A Europa alemã: a crise do euro e as novas perspectivas de poder. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2015. 126 p.

BRINGEL, Breno; ECHART, Enara. Movimentos sociais e democracia: os dois lados das fronteiras. Caderno CRH, Salvador, v. 21, n. 54, p. 457-475, 2008.

BUARQUE DE HOLANDA, Sérgio. Raízes do Brasil. 12. ed. Rio de Janeiro: José Olympo, 1978.

DUVERGER, Maurice. Ciência política: teoria e método. 2. ed. Rio de Janeiro: Zahar, 1976.

HELD, David. Democracy and the global order: from the modern state to cosmopolitan governance. Stanford: Stanford University Press, 1995.

IANNI, Octavio. Globalização: novo paradigma das ciências sociais. Estudos Avançados, v. 8, n. 21, 1994.

KALDOR, Mary. La sociedad civil global. Barcelona: Tusquets, 2005.

TARROW, Sidney. The new transnational activism. Cambridge: Cambridge University Press, 2005.

Publicado
2016-11-28
Como Citar
Marques, T. C. S., & Dabène, O. (2016). Estado e sociedade em tempos de transnacionalismo. Civitas - Revista De Ciências Sociais, 16(3), 355-362. https://doi.org/10.15448/1984-7289.2016.3.25873