O Silêncio da televisão: desafio e esperanças na comunicação mediada

  • Heloisa Pait Universidade Estadual Paulista - UNESP
Palavras-chave: Comunicação, espaço público, democracia

Resumo

Boa parte da comunicação televisiva se dá num ambiente sem sólidas referências, no que difere de espaços públicos mais tradicionais. Nesse artigo reflito sobre a natureza da comunicação e da sociabilidade numa sociedade mediada e mostro que uma cultura televisiva inclusiva e bem-sucedida exige de seus participantes uma atitude silenciosa e interrogativa. Em prosa livre, retomo entrevistas com autores e espectadores de novela brasileira feitas para minha tese de doutorado, iluminadas por uma discussão teórica sobre linguagem e comunicação mediada, e com ênfase especial nos desejos e memórias envolvidas nessa comunicação. Comparo, brevemente, a experiência brasileira com a de outros países quanto a essa capacidade inclusiva do espaço comunicativo, e aponto para os desafios éticos e comunicativos que se repõem hoje no nível global.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Heloisa Pait, Universidade Estadual Paulista - UNESP
Professora da Universidade Estadual Paulista

Referências

ANDRADE, Jorge. O grito. Rio de Janeiro: Globo, 1975.

ARENDT, Hannah. A condição humana. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2003.

BERTOLINI, Mario; GIANNAKOULAS, Andreas HERNÁNDEZ, Max. Squiggles and Spaces: Revisiting the Work of D.W. Winnicott. London: Whurr, 2001.

BRAGA, Gilberto . Anos Rebeldes. Rio de Janeiro: Globo, 1992.

BUCCI, Eugênio. Brasil em tempo de TV. São Paulo: Bontempo Editorial, 1996.

CAVELL, Stanley . The fact of television. Daedalus, 1992.

CERTEAU, Michel de. Reading as poaching. In: The practice of everyday life. Berkeley: University of California Press, 1984.

CLAIR, Janete r. Irmãos coragem: Globo, 1970.

DAYAN, Daniel and KATZ; Elihu z. Media Events: The Live Broadcasting of History. Cambridge: Harvard University Press, 1992.

FISKE, John e. Television culture. London and New York: Routledge, 1997.

GOLDFARB, Jeffrey . On cultural freedom: an exploration

of public life in Poland and America (Sobre a liberdade cultural: uma reflexão sobre a vida pública na Polônia e nos Estados Unidos). Chicago: The University of Chicago Press, 1982.

HABERMAS, Jürgen. Mudança estrutural da esfera pública. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, 2003.

HAMBURGER, Esther . Diluindo Fronteiras: As Telenovelas no Cotidiano. v. 4. In: Lilia Schwarcz (Org.). História da Vida Privada. São Paulo: Companhia das Letras, 1998.

HANSEN, Miriam . Babel and Babylon: spectatorship in American silent film. Cambridge, Massachusetts and London, England: Harvard University Press, 1994.

ISER, Wolfgang . Interaction between text and reader.

In: Suleiman, SK, Crossman, I Eds. The reader in the text: essays on audience and interpretation. New Jersey: Princeton University Press, 1980.

MARQUES, Sérgio. Entrevista em Ipanema. São Paulo, 2001.

MERLEAU-PONTY, Maurice . O visível e o invisível. São Paulo: Perspectiva, 2003.

MEYROWITZ, Joshua . No sense of place: the impact of electronic media on social behavior. New York: Oxford University Press, 1985.

MUNIZ, Lauro César. Entrevista em Moema. São Paulo, 2001.

______. Os gigantes. Rio de Janeiro: Globo, 1979.

NOGUEIRA, Alcides. Entrevista na Bela Vista. São Paulo, 2001.

PRATA, Mário. Entrevista nos Jardins. São Paulo, 2001.

Pró-TV. 50 anos da televisão brasileira. São Paulo: Associação dos Pioneiros, Profissionais e Incentivadores da Televisão Brasileira, 2000.

SOUSA, Mauro Wilton de . A rosa púrpura de cada dia. 1986. Tese (Doutorado em Comunicação) - Escola de Comunicação e Arte, Universidade de São Paulo, 1986.

TEXEIRA, Mário. Entrevista em Higienópolis. São Paulo, 2000.

WEBER; Samuel . Mass mediauras: form, technics, media. Stanford, California: Stanford University Press, 1996.

WURSCH, Yoya. Entrevista na Barra da Tijuca. Rio de Janeiro, 2001.

Publicado
2008-04-14
Como Citar
Pait, H. (2008). O Silêncio da televisão: desafio e esperanças na comunicação mediada. Revista FAMECOS, 14(34), 45-49. https://doi.org/10.15448/1980-3729.2007.34.3451
Seção
Televisão e Comunicação