O corpo da noção: imagens e imaginários no cinema brasileiro

  • Miriam de Souza Rossini Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Palavras-chave: Cultura, cinema, imaginário

Resumo

Este texto pretende discutir as marcas identitárias produzidas por duas escolas cinematográficas que desde os anos 60 vêm influenciando a produção de filmes no Brasil, ancorados em uma estética audiovisual e narrativa que visa a agredir o espectador. Com isso, quer-se entender como aquilo que começou como proposta de um cinema revolucionário e de denúncia social acabou se tornando na própria marca do cinema nacional, e também da representação imagética do Brasil e dos brasileiros. Pretende-se ainda perceber como essas estratégias discursivas e audiovisuais podem ser percebidas nos filmes da chamada pós-retomada, ou seja, no cinema feito a partir de 2001. Nessa perspectiva, serão focalizados alguns desses filmes: O invasor, 2001, de Beto Brant; Cidade de Deus, 2001, de Fernando Meireles; Amarelo Manga, 2002, de Cláudio Assis; Contra todos 2004, de Roberto Moreira.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Miriam de Souza Rossini, Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Professora da Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação Social da Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Referências

BALDIZZONE, José; GUIBBERT, Pierre. Cinéma et histoire du cinéma. Cahiers de la Cinémathèque, Perpignan, n. 35-36, 1982.

BOURDIEU, Pierre. O poder simbólico. Rio de Janeiro: Difel, 1989.

_______. Sobre a televisão. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, 1997.

CASTEL, Robert. As armadilhas da exclusão. In: BURITY, Joanildo (Org,). Cultura e identidade. Perspectivas interdisciplinares. Rio de Janeiro: DP&A Editora, 2002.

CASTELLS, Manuel. O poder da identidade. 3 ed. São Paulo: Paz e Terra, 2001.

COMOLLI, Jean-Louis. Le miroir a deux faces. In: COMOLLI, Jean-Louis & RANCIERE, Jacques. Arrêt sur Histoire. Paris: Centre Georges Pompidou, 1997.

FERREIRA, Jairo. Cinema de invenção. São Paulo: Editora Max Limonad/Embrafilme, 1986.

FERRO, Marc. Cinema e história. Rio de Janeiro : Paz e Terra, 1992.

HALL, Stuart. Quem precisa de identidade? In: SILVA, Tomaz Tadeu da (Org.). Identidade e diferença. Petrópolis: Vozes, 2000.

IANNI, Octávio. A idéia de Brasil moderno. 2 ed. São Paulo: Brasiliense, 1997.

RAMOS, de José Mário Ortiz. Cinema, televisão, publicidade. Cultura popular de massa no Brasil nos anos 1970-1980. 2 ed. São Paulo: Annablume, 2004.

ROSSINI, Miriam de Souza Rossini. Imagens da exclusão no cinema nacional. IHU Idéias, n. 24, nov. 2004.

______. O cinema da busca: discurso sobre identidades culturais no cinema brasileiro dos anos 90. Revista Famecos, Porto Alegre, n. 27, p. 96-104, ago. 2005.

WARNIER, Jean-Pierre. A mundialização da cultura. São Paulo: Edusc, 2000. Disponível em: www.contracampo.com.br/21/esteticadafome.htm

Publicado
2008-04-14
Como Citar
Rossini, M. de S. (2008). O corpo da noção: imagens e imaginários no cinema brasileiro. Revista FAMECOS, 14(34), 22-28. https://doi.org/10.15448/1980-3729.2007.34.3448
Seção
Cinema e Representação