Elderly knowledge about sexuality in the aging process

Keywords: aging, quality of life, sexuality

Abstract

Objective: to describe the elderly’s conceptions about sexuality in the aging process.
Methods: this is an exploratory study with a qualitative approach, carried out from February to June 2019, in the city of Iguatu/CE with two groups of elderly people.
Results: the qualitative findings were divided into three categories: Knowledge of the elderly about sexuality, Aspects that interfere with sexuality during old age, and Preventive methods and Sexually Transmitted Infections in aging. The knowledge of the elderly is involved with their experiences and life and health conditions. The health-disease process and behaviors associated with social life cut across conceptions of sexuality in the aging process.
Conclusion: the study evidenced the conception of the elderly, as well as their beliefs and values regarding health and sexuality. In this way, it was possible to see that the public understands the theme with complexity involving emotions and behaviors, extended beyond the sexual act.

Downloads

Download data is not yet available.

Author Biographies

Liana Ingrid Cândido Ferreira, Universidade Regional do Cariri (URCA), Crato, CE, Brasil.

Especialista em Unidade de Terapia Intensiva pela Unichristus, em Fortaleza, CE, Brasil.

Antonio Germane Alves Pinto, Universidade Regional do Cariri (URCA), Crato, CE, Brasil.

Doutor em Saúde Coletiva pela Universidade Estadual do Ceará (UECE), em Fortaleza, CE, Brasil; mestre em Cuidados Clínicos em Saúde pela Universidade Estadual do Ceará (UECE), em Fortaleza, CE, Brasil; professor da Universidade Regional do Cariri (URCA), em Crato, CE, Brasil.

Célida Juliana de Oliveira, Universidade Regional do Cariri (URCA), Crato, CE, Brasil.

Doutora em Enfermagem pela Universidade Federal do Ceará (UFC), em Fortaleza, CE, Brasil mestre em Cuidados Clínicos em Saúde pela Universidade Estadual do Ceará (UECE), em Fortaleza, CE, Brasil; professora da Universidade Regional do Cariri (URCA), em Crato, CE, Brasil.

Glauberto da Silva Quirino, Universidade Regional do Cariri (URCA), Crato, CE, Brasil.

Doutor em Educação em Ciências: Química da Vida e Saúde pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), em Santa Maria, RS, Brasil; mestre em Bioprospecção Molecular pela Universidade Regional do Cariri (URCA), em Crato, CE, Brasil; professor da Universidade Regional do Cariri (URCA), em Crato, CE, Brasil.

Rachel de Sá Barreto Luna Callou Cruz, Universidade Regional do Cariri (URCA), Crato, CE, Brasil.

Doutora em Saúde Materno Infantil pelo Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira (IMIP), em Recife, PE, Brasil; mestre em Saúde Materno Infantil pelo Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira (IMIP), em Recife, PE, Brasil; professora da Universidade Regional do Cariri (URCA), em Crato, CE, Brasil.

Adriana de Moraes Bezerra , Universidade Regional do Cariri (URCA), Crato, CE, Brasil.

Mestre em Enfermagem pela Universidade Regional do Cariri (URCA), em Crato, CE, Brasil; professora da Universidade Regional do Cariri (URCA), em Iguatu, CE, Brasil.

References

Rocha JA. O envelhecimento humano e seus aspectos psicossociais. Revista Faculdade Rolim de Moura. 2018;6(6):78-89.

Mucida A. O sujeito não envelhece: psicanálise e velhice. 1. ed. Autêntica, Belo Horizonte, MG, 2006. 232 p.

Pinto MXR, Reis LA dos, Santana ES, Reis LA dos. Sexualidade e envelhecimento: a percepção de idosos participantes de grupo de convivência. Fisioter. Bras. 2019;20(1):43-9.

Oliveira LRL de, Braga C, Koike MK, Saad KR, Nogueira VO. Prática sexual de idosos de um centro de convivência International Journal of Health Management Review. 2021;7(1):1-9.

Brasil. Ministério da Saúde. Boletim Epidemiológico HIV/AIDS [Internet]. 2020 [citado em 20 maio 2021]. Disponível em: http://www.aids.gov.br/pt-br/pub/2020/boletim-epidemiologico-hivaids-2020.

Aguiar RB, Leal MCC, Marques APO. Conhecimento e atitudes sobre sexualidade em pessoas idosas com HIV. Ciênc. Saúde Colet. 2020;25(6):2051-62.

Aguiar RB, Leal MCC, Marques APO, Torres KMS, Tavares MTDB. Idosos vivendo com HIV – comportamento e conhecimento sobre sexualidade: revisão integrativa. Ciênc. saúde coletiva. 2020;25(2):575-84.

IBGE. População estimada [Internet]. 2020 [citado em 21 jul. 2021]. Disponível em: https://cidades.ibge.gov.br/brasil/ce/iguatu/panorama.

Rocha RMGS. Educação ambiental na estratégia saúde da família: conhecimento dos usuários [dissertação]. [Crato, CE]: Universidade Regional do Cariri; 2016.

Debus M, Novelli P. Manual para excelencia en la investigación mediante grupos focales. Comunication for child survival: Healthcom, Academy for Educational Development: Washington, 1997. 100p.

Barros LM. Construção e validação de uma cartilha sobre cuidados no perioperatório da cirurgia bariátrica [dissertação]. [Fortaleza, CE]: Universidade Federal do Ceará; 2015. 291 p.

Dias IKR. Vírus zika: construção e validação de uma cartilha educative [dissertação]. [Crato, CE]: Universidade Regional do Cariri; 2017. 180 p.

Brasil. Conselho Nacional de Saúde. Resolução nº 466, de 12 de dezembro de 2012 [Internet]. Brasília; 2013 [citado em 10 out. 2018]. Disponível em: https://www2.ufjf.br/comitedeetica/wp-content/uploads/sites/80/2008/12/Resolu%C3%A7%C3%A3o-466-12.pdf .

Gomes GAO, Papini CB, Nakamura PM, Teixeira IP, Kokubun E. Barreiras para prática de atividade física entre mulheres atendidas na Atenção Básica de Saúde. Rev. Bras. Ciênc. Esporte. 2019;41(3):263-70.

Soares KG, Meneghel SN. O silêncio da sexualidade em idosos dependentes. Ciênc. Saúde Colet. 2021;26(1):129-36.

Lima ICC, Fernandes SLR, Miranda GRN, Guerra HS, Loreto RGO. Sexualidade na terceira idade e educação em saúde: um relato de experiência. Revista Saúde Públ. 2020;3(1):137-43.

Rodrigues DMMR, Labegalini CMG, Higarashi IH, Heidemann ITSB, Baldissera VDA. O percurso educativo dialógico como estratégia de cuidado em sexualidade com idosas. Escola Anna Nery. 2018;22(3):1-7.

Ferreira CO, Davoglio RS, Vianna ASA, Silva AA, Rezende REA, Davoglio TR. Vulnerabilidade a infecções sexualmente transmissíveis em idosos usuários de um centro de testagem e aconselhamento. Arq. Cienc. Saúde. 2019;23(3):171-80.

Moura DS, Pessoa RMC, Almeida MM. Sexualidade na terceira idade: uma discussão acerca das medidas de prevenção do hiv/aids. ReonFacema. 2017;3(1):407-15.

Silva AT da, Parreira ALB, Machado CA, Fonseca DC, Carmo JS do, Barbosa ML, Guerra HS. Prevalência da AIDS em idosos no centro-oeste brasileiro. Revista Eletrônica Acervo Saúde. 2019;23:1-7.

Brasil. Secretaria de Estado da Saúde. Avaliação multidimensional do idoso [Internet]. 2018 [citado em 25 abr. 2019]. Disponível em: https://www.saude.pr.gov.br/sites/default/arquivos_restritos/files/documento/2020-04/avaliacaomultiddoidoso_2018_atualiz.pdf.

Ferreira CO, Davoglio RS, Vianna ASA, Silva AA, Rezende REA, Davoglio TR. Vulnerabilidade a infecções sexualmente transmissíveis em idosos usuários de um centro de testagem e aconselhamento. Arq. Cienc. Saúde UNIPAR. 2019;23(3):171-80.

Santos SC, Souza MAS de, Pereira JS, Alexandre ACS, Rodrigues KF. A percepção dos idosos sobre a sexualidade e o envelhecimento. Braz. J. Hea. Rev. 2020;3(2):3486-503.

Silva DL, Júnior DGA, Silva JÁ, Silva PRR. Estratégias de prevenção a IST realizadas por enfermeiros na atenção primária à saúde: uma revisão integrativa. Brazilian Journal of Health Review. 2021;4(2):4028-44.

Vanzella E. O envelhecimento, a transição epidemiológica da população brasileira e o impacto nas internações no âmbito do SUS. Envelhecimento Humano no Século XXI: atuações efetivas na promoção da saúde e políticas sociais. Campina Grande: Realize Editora; 2020. p. 677-95.

Published
2021-12-21
How to Cite
Ferreira, L. I. C., Pinto, A. G. A., Oliveira, C. J. de, Quirino, G. da S., Cruz, R. de S. B. L. C., & Bezerra , A. de M. (2021). Elderly knowledge about sexuality in the aging process. PAJAR - Pan American Journal of Aging Research, 9(1), e41417. https://doi.org/10.15448/2357-9641.2021.1.41417