Dimensões públicas da história e relações culturais em perspectiva transnacional

Conversação com Richard Cándida Smith

Palavras-chave: entrevista, Richard Cándida Smith

Resumo

-

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Maria Mauad, Universidade Federal Fluminense (UFF), Niterói, Rio de Janeiro, Brasil.

Doutora em História Social pela Universidade Federal Fluminense (UFF), com pós-doutorado no Museu Paulista da Universidade de São Paulo. Atualmente é professora titular do Departamento de História, pesquisadora do Laboratório de História Oral e Imagem da UFF.

Juniele Rabêlo de Almeida, Universidade Federal Fluminense (UFF), Niterói, Rio de Janeiro, Brasil

Doutora em História Social pela Universidade de São Paulo, com pós-doutorado pela Universidade Federal de Minas Gerais. Professora Visitante Pós-Doc em 2020 na University of California – Berkeley. Atualmente é professora do Departamento de História e pesquisadora do Laboratório de História Oral e Imagem da Universidade Federal Fluminense.

Referências

ARNDT, Richard T. The First Resort of Kings: American Cultural Diplomacy in the Twentieth Century. Washington: Potomac Books, 2005.

DORELLA, Priscila. Entrevista com Richard Cándida Smith: Por uma História Intelectual entre as Américas. Revista Poder & Cultura, v. 4, n. 8, p. 174-213, 2017. Disponível em: https://6fddb7bf-a556-4952-86d3ffb7ef897219.filesusr.com/ugd/ba0919_86fe5f3ed80a479caf7700a0aa91e385.pdf

NINKOVICH, Frank A. The Diplomacy of Ideas: U.S. Foreign Policy and Cultural Relations, 1938-1950. Cambridge: Cambridge University Press, 1980.

SMITH, Richard Cándida. História oral na historiografia: Autoria na História. In: SANTHIAGO, Ricardo; MAGALHÃES, Valéria Barbosa de. Memória e Diálogo. Escutas da Zona Leste: Visões sobre a História Oral. São Paulo: Letra e Voz, 2011.

Oral History at the University of California, Berkeley. In: RITCHIE, Donald. The Oxford Handbook to Oral History. New York: Oxford University Press, 2010.

Publishing Oral History: Oral Exchange and Print Culture. In: CHARLTON, Thomas L.; MYERS, Lois E.; SHARPLESS, Rebecca. The Research Handbook for Oral History. Walnut Creek: AltaMira Press, 2006.

Circuitos de Subjetividade: História Oral, O Acervo e as Artes. São Paulo: Letra e Voz, 2012.

Érico Veríssimo, a Brazilian Cultural Ambassador in the United States. Tempo, v. 17, n. 34, p. 149-175, 2013. https://doi.org/10.5533/TEM-1980-542X-2013173412

História pública, por que não? In: BORGES, Viviane Trindade; MAUAD, Ana Maria; SANTHIAGO, Ricardo. (Orgs.). Que história pública queremos? São Paulo: Letra e Voz, 2018.

Improvised Continent: Pan-Americanism and Cultural Exchange. Philadelphia: University of Pennsylvania Press, 2017.

Mallarmé’s Children: Symbolism and the Renewal of Experience. Berkeley: University of California Press, 1999.

“Romper lo que está resquebrajado”: 1968 in the United States of America. Cuadernos de Historia Contemporánea, Madrid, v. 31, p. 135-148, 2009. Disponível em: https://revistas.ucm.es/index.php/CHCO/article/view/CHCO0909110135A

The Modern Moves West: California Artists and Democratic Culture in the Twentieth Century. Philadelphia: University of Pennsylvania Press, 2009.

Utopia and Dissent: Art, Poetry, and Politics in in California. Berkeley: University of California Press, 1995

Publicado
2021-07-23
Como Citar
Mauad, A. M., & Almeida, J. R. de. (2021). Dimensões públicas da história e relações culturais em perspectiva transnacional : Conversação com Richard Cándida Smith. Estudos Ibero-Americanos, 47(2), e40425. https://doi.org/10.15448/1980-864X.2021.2.40425
Seção
Entrevista