As fronteiras geopolíticas do condomínio Panamazônico: observações epistemológicas

Palavras-chave: Geopolítica. Fenomenologia. Amazônia brasileira

Resumo

A disciplina geopolítica sob a crítica fenomenológica. Os fundamentos da geopolítica brasileira desenvolvida por Meira Mattos e a Panamazônia. Defesa e integração da Panamazônia, desafios de integração ao pensamento geopolítico brasileiro.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Delmo de Oliveira Torres Arguelhes, Centro Universitário Euro Americano (UniEURO); Brasília, DF
Doutor em História das Ideias e Historiografia pela Universidade de Brasília (UnB); Professor do Curso de Mestrado em Direitos Humanos, Cidadania e Violência do Centro Universitário Euro Americano (UniEURO).

Referências

ANDERSON, Benedict. Comunidades imaginadas: reflexões sobre a origem e a difusão do nacionalismo. São Paulo: Companhia das Letras, 2008.

ARGUELHES, Delmo de Oliveira. Protagonismo diante da prudência: breves apontamentos acerca da segurança regional. In: OLIVEIRA, Marcos Aurelio Guedes de. (org.). Cultura de defesa sul-americana. Recife: UFPE, 2013. p. 351-368. https://doi.org/10.26792/rbed.v5n1.2018.75027

BARTHES, Roland. Crítica e verdade. São Paulo: Perspectiva, 1982.

BARTHES, Roland. Mitologias. 11. ed. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2001.

BECKER, Bertha. Amazônia: geopolítica na virada do III milênio. Rio de Janeiro: Garamond, 2009a.

BECKER, Bertha. O governo do território em questão: uma perspectiva a partir do Brasil. Parcerias estratégicas, Brasília, v. 14, n. 28, p. 33-50, 2009b.

BEVIR, Mark. A lógica da história das ideias. Bauru: Edusc, 2008.

BORGES, Jorge Luis. Obras completas, volume II –1952-1972. São Paulo: Globo, 1999.

CARR, Edward Hallett. Vinte anos de crise: 1919-1939. Brasília: Edunb, 2001.

CARTIER, Michel. Impérios. In: ENCICLOPÉDIA EINAUDI – volume 14: Estado – Guerra. Tradução de António Perestrelo de Matos et al. Lisboa: Imprensa Nacional / Casa da Moeda, 1989. p. 318-29.

CARVALHO, Carlos Delgado de. História diplomática do Brasil. Brasília: Senado Federal, 1988.

CASTRO, Terezinha de. Nossa América: geopolítica comparada. Rio de Janeiro: Bibliex, 1994.

CASTRO, Terezinha de. Geopolítica: princípios, meios e fins. Rio de Janeiro: Bibliex, 1999.

CERVO, Amado Luiz. Inserção internacional: formação dos conceitos brasileiros. São Paulo: Saraiva, 2008.

DARDEL, Eric. O Homem e a Terra: natureza da realidade geográfica. São Paulo: Perspectiva, 2011.

DUROSELLE, Jean-Baptiste. Todo império perecerá: teoria das relações internacionais. Brasília / São Paulo: Edunb / Imprensa Oficial, 2000. https://doi.org/10.1590/s0034-73292000000200018

FOUCAULT, Michel. Em defesa da sociedade: curso no Collège de France (1975-1976). São Paulo: Martins Fontes, 2005. https://doi.org/10.11606/issn.2176-8099.pcso.2001.75756

FREEDEN, Michael. Ideologies and political theory: a conceptual approach. Oxford: Clarendon Press, 2008.

GADAMER, Hans-Georg. Verdade e método I: traços fundamentais de uma hermenêutica filosófica. 5. ed.Petrópolis: Vozes, 2003.

GADAMER, Hans-Georg. Verdade e método II: complementos e índice. Petrópolis: Vozes, 2002.

HEIDEGGER, Martin. Ser e tempo. Petrópolis / Bragança Paulista: Vozes / São Francisco, 2006.

HITLER, Adolf. Minha luta. 5. ed. Tradução de Klaus von Puschen. São Paulo: Centauro, 2005.

HOUAISS, Antônio; VILLAR, Mauro de Salles; FRANCO, Francisco Manoel de Mello. Dicionário Houaiss da língua portuguesa. Rio de Janeiro: Objetiva, 2009. https://doi.org/10.17979/rlex.2003.9.0.5582

HUSSERL, Edmund. A ideia da fenomenologia. Lisboa: Edições 70, 1986.

GINZBURG, Carlo. Mitos, emblemas, sinais: morfologia e história. São Paulo: Companhia das Letras, 1991.

KUHN, Thomas. A estrutura das revoluções científicas. 5. ed. São Paulo: Perspectiva, 1997.

MEIRA MATTOS, Carlos de. Geopolítica – volume 1. Rio de Janeiro: Bibliex / FGV, 2011a.

MEIRA MATTOS, Carlos de. Geopolítica – volume 2. Rio de Janeiro: Bibliex / FGV, 2011b.

MEIRA MATTOS, Carlos de. Geopolítica – volume 3. Rio de Janeiro: Bibliex / FGV, 2011c.

MÉSZÁROS, István. O poder da ideologia. São Paulo: Boitempo, 2004.

MONTESQUIEU, Charles de Secondat, Barão de. O espírito das leis. 2. ed. Tradução de Cristina Murachco. São Paulo: Martins Fontes, 1996.

ORGANIZAÇÃO DO TRATADO DE COOPERAÇÃO AMAZÔNICA. O tratado de cooperação amazônica.2013. Disponível em: http://www.otca.info/portal/tratado-coop-amazonica.php?p=otca. Acesso em: 24 jun. 2013. https://doi.org/10.18227/1983-9065ex.v3i1.1493

RENOUVIN, Pierre; DUROSELLE, Jean-Baptiste. Introdução à história das relações internacionais. São Paulo: Difel, 1967.

RONCAYOLO, Marcel. Território. In: ENCICLOPÉDIA EINAUDI – volume 8: região. Tradução de Maria do Céu Gomes. Lisboa: Imprensa Nacional / Casa da Moeda, 1986. p. 161-89.

SEEMANN, Jörn. Tradições humanistas na cartografia e a poética dos mapas. In: MARANDOLA Jr., Eduardo; HOLZER, Werther; OLIVEIRA, Lívia de (org.). Qual o espaço do lugar? Geografia, epistemologia, fenomenologia. São Paulo: Perspectiva, 2012. p. 69-91.

ZIENTARA, Benedikt. Fronteira. In: ENCICLOPÉDIA EINAUDI, volume 14: Estado – Guerra. Lisboa: Imprensa Nacional / Casa da Moeda, 1989. p. 306-17.

ŽIŽEK, Slavoj (org.). Um mapa da ideologia. Rio de Janeiro: Contraponto, 1996.

Publicado
2020-04-28
Como Citar
Arguelhes, D. de O. T. (2020). As fronteiras geopolíticas do condomínio Panamazônico: observações epistemológicas. Estudos Ibero-Americanos, 46(1), e33718. https://doi.org/10.15448/1980-864X.2020.1.33718
Seção
Dossiê: Escrevendo a história ambiental da América Latina: processos de ocupação, exploração e apropriação da natureza