Formação da identidade em tempos de mudanças velozes e multiplicidade normativa

  • Gertrud Nunner-Winkler Universidade de Berlim
Palavras-chave: identidade, moral, relativismo, mudança socioestrutural

Resumo

A identidade (como identidade de papéis ou identidade do eu) não é mais fundada e estabilizada através de arranjos socioestruturais. Concepções pós-modernas de identidade enfocam a abertura da formação de identidade por toda vida e compreendem a pessoa como produto da pluralidade de suas escolhas fáticas realizadas. Essa é uma descrição a partir da perspectiva exterior. Baseado em dados empíricos, mostra-se, no entanto, que as pessoas mesmas definem a relevância identitária das características próprias, das escolhas feitas anteriormente e das mudanças pessoais. Elas asseguram sua identidade através do autocomprometimento com valores que lhe são importantes. Para muitos, suas convicções morais lhes são importantes. O comprometimento com valores, o qual corresponde à moral autônoma universal moderna, permite a estabilização a longo prazo de uma identidade baseada na fidelidade a princípios.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gertrud Nunner-Winkler, Universidade de Berlim
Dadja Mara Amilibia Hermann Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq - Nível 1C Possui graduação em Filosofia pela Universidade Federal de Santa Maria (1973), mestrado em Educação pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (1982) e doutorado em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1995), com doutorado sanduíche na Universidade de Heidelberg. Foi professora titular de Filosofia da Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul de 1997 a 2005. Coordenou o Comitê de Educação e Psicologia da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul no período de 2002 a 2006. Realizou estágios de pesquisa na Universidade de Heidelberg/Erziehungswissensschatliches Seminar nos anos de 1998, 1999 e 2005. Atualmente é professora adjunta da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Filosofia da Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: filosofia da educacao, racionalidade, hermenâutica, Habermas, Gadamer, ética, ética e estética. (Texto informado pelo autor)
Como Citar
Nunner-Winkler, G. (2011). Formação da identidade em tempos de mudanças velozes e multiplicidade normativa. Educação, 34(1). Recuperado de https://revistaseletronicas.pucrs.br/index.php/faced/article/view/8671
Seção
Dossiê - Formação e Pluralidade Interpretativa