Educação popular e formação de professores: uma experiência em construção

  • Ana Carrilho Romero Grunennvaldt
  • Edson Pereira Barbosa
  • Felício Guilardi Junior
  • José Tarcísio Grunennvaldt
  • Mariuce Campos de Moraes
Palavras-chave: Educação Popular, formação de professores, emancipação.

Resumo

O presente artigo, ao apresentar a construção de um Curso de Formação de Professores em Ciências Naturais e Matemática do Campus Universitário de Sinop da Universidade Federal Mato Grosso/UFMT, busca compreender algumas inovações e limitações no tocante ao acesso à formação acadêmica de jovens trabalhadores à Educação Superior. O objetivo é estabelecer uma relação entre a perspectiva de Educação Popular e a formação inicial de professores para as Ciências Naturais e a Matemática. No desenho curricular, destacam-se aspectos capazes de se identificar com a “racionalidade cosmopolita”, que, ajustandose à transição, poderá expandir o presente e contrair o futuro. O currículo em seu desenho se distingue da organização dos currículos convencionais no trato que atribui à teoria e à prática, mediado pela significação de trabalhadores que protagonizam uma situação singular, como educandos que problematizam temas surgidos das circunstâncias do seu mundo de vida, de trabalho e de escolarização.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Carrilho Romero Grunennvaldt
Nadja Mara Amilibia Hermann Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq - Nível 1C Possui graduação em Filosofia pela Universidade Federal de Santa Maria (1973), mestrado em Educação pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (1982) e doutorado em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1995), com doutorado sanduíche na Universidade de Heidelberg. Foi professora titular de Filosofia da Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul de 1997 a 2005. Coordenou o Comitê de Educação e Psicologia da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul no período de 2002 a 2006. Realizou estágios de pesquisa na Universidade de Heidelberg/Erziehungswissensschatliches Seminar nos anos de 1998, 1999 e 2005. Atualmente é professora adjunta da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Filosofia da Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: filosofia da educacao, racionalidade, hermenâutica, Habermas, Gadamer, ética, ética e estética. (Texto informado pelo autor)
Como Citar
Grunennvaldt, A. C. R., Barbosa, E. P., Guilardi Junior, F., Grunennvaldt, J. T., & Moraes, M. C. de. (2010). Educação popular e formação de professores: uma experiência em construção. Educação, 33(2). Recuperado de https://revistaseletronicas.pucrs.br/index.php/faced/article/view/7347
Seção
Conferência