A governança acadêmica do campo da formação de profissionais em EAD da Universidade Aberta do Brasil e Universidade Aberta do Piauí/UESPI

Raimunda Cunha Ribeiro

Resumo


O sucesso da instituição de ensino superior depende de sua capacidade de adaptação em seu ambiente social e também da capacidade de responder aos desafios e exigências de seu tempo presente. A EAD vem surgindo nas últimas décadas como uma forma de promover o acesso, a igualdade e a qualidade do ensino superior. O objetivo deste artigo se estruturou na seguinte lógica: analisar a organização do Núcleo de Educação à Distância da Universidade Estadual do Piauí, do ponto de vista da governança acadêmica. A metodologia utilizada foi do tipo qualitativa, bibliográfica, na qual se utilizou a análise documental como técnica de coleta de dados. Os dois documentos-base que serviram de objetos de análise foram: o Regimento Interno do Núcleo de Educação à Distância/NEAD e o Relatório da Gestão do NEAD, ano 2010. O compromisso da UESPI contemplado nos Projetos Políticos dos Cursos de EAD deve estar sempre fundamentado no que versa o seu Estatuto sobre sua responsabilidade social no processo e desenvolvimento do Estado do Piauí.
Palavras-chave: governança acadêmica; educação à distância; acesso à qualidade.

Texto completo:

PDF


>

e-ISSN: 2179-8435

*********************************

Avaliação do Qualis CAPES - 2016

ÁREA CAPES - Educação

CLASSIFICAÇÃO - B2

ÁREA CAPES – Ensino

CLASSIFICAÇÃO – B1


Indexado em:
 

REDIB 

 *********************************

Este periódico é membro do COPE (Committee on Publication Ethics) e adere aos seus princípios. http://www.publicationethics.org

Licença Creative Commons

Exceto onde especificado diferentemente, a matéria publicada neste periódico é licenciada sob forma de uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras. Disponibilidade para depósito: Azul.

Copyright: © 2006-2019 EDIPUCRS