Francisco Valles Covarrubias: o galenismo renascentista depois de Andreas Vesalius

  • João Madeira

Resumo

Francisco Valles, também conhecido como “El Divino Valles”, foi provavelmente o maior médico espanhol da Renascença e sucedeu a André Vesálio, a quem conheceu pessoalmente, como médico de câmara de Felipe II da Espanha. Formado em Alcalá, deixou inúmeras obras, incluindo o influente Controversiarum medicarum et philosophicarum. A importância da contribuição de Valles para o debate sobre o número, as funções e a localização dos sentidos internos em Aristóteles e em Galeno é atestada pela apreciação que recebeu de Pedro da Fonseca e pela sua relevância para o estudo da história da filosofia e da anatomia, na antiguidade, no Renascimento e na escolástica.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Como Citar
Madeira, J. (2009). Francisco Valles Covarrubias: o galenismo renascentista depois de Andreas Vesalius. Veritas (Porto Alegre), 54(3). https://doi.org/10.15448/1984-6746.2009.3.6417