Processo de participação coletiva na internet: uma ética para o ciberespaço

  • Fabio Pezzi Parode UNISINOS
  • Maximiliano Zapata Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, RS
  • Ione Bentz UNISINOS
Palavras-chave: Ética. Comunicação. Marco Civil da Internet. Cibercultura.

Resumo

Este ensaio tem como objetivo problematizar o papel da internet como agente de difusão de informação, ferramenta produtora de conhecimento e cultura. Os processos participativos em rede, as comunidades virtuais, colocam em evidência as tensões entre um antigo modelo calcado em estruturas de poderes centralizados, e a emergência de uma ordem dispersiva e fragmentária na dinâmica social. É nesse contexto que surgem as polêmicas em torno do Marco Civil da Internet, nosso objeto de estudo. A instauração do Marco Civil, deu lugar à concepção e busca de regulação da internet como patrimônio coletivo. Nosso objetivo é analisar o Marco Civil, no quadro das politicas de promoção do acesso à internet, através de um diálogo entre comunicação, ética e filosofia, questionando seus princípios fundamentais quanto ao pluralismo e a diversidade cultural, a fim de produzir uma reflexão fundamentada sobre os eixos reguladores deste projeto de Lei.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ARISTÓTELES. Ética Nicomaquea – Ética Eudemia. Madri: Gredos, 1998.

______. Ética a Nicômaco. Brasília: Editora Universidade de Brasília, 1985.

______. Política. Brasília: UMB, 1997.

BAUMAN, Zygmunt. Globalização as consequência humanas. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, 1999.

CORTINA, Adela. Construir confiança: ética da empresa na sociedade da informação e das comunicações. São Paulo: Edições Loyola, 2007.

HANS, Jonas. O princípio da responsabilidade: ensaio de uma ética para a civilização tecnológica. Rio de Janeiro: Editora Puc Rio, 2006.

HEIDEGGER, Martin. Ser e tempo: Rio de Janeiro: Vozes, 2006.

DA SILVA MARTINS, Jasson. Ética política e direitos: inflexões filosóficas. São Leopoldo: Nova Harmonia, 2008.

LIPOVETSKY, Gilles. El crepúsculo del deber: la ética indolora de los nuevos tiempos democráticos, Barcelona: Editorial Anagrama, 1994.

HORKHEIMER, Max; ADORNO, Theodor. Dialéctica de la ilustración: fragmentos filosóficos. Madrid: Editorial Trotta, 1998.

ZINANI, Carlos Eduardo. Notas sobre o conceito de função em Aristóteles. In: MARTINS, Jasson da Silva (Org.). Ética, política e direito: inflexões filosóficas. Coletânea. São Leopoldo: Nova Harmonia, 2008.

VAN HOOFT, Stan. Ética da virtude. Tradução de Fábio Creder. Petrópolis: Vozes, 2013.

Publicado
2015-05-13
Como Citar
Parode, F. P., Zapata, M., & Bentz, I. (2015). Processo de participação coletiva na internet: uma ética para o ciberespaço. Veritas (Porto Alegre), 60(1), e36-e46. https://doi.org/10.15448/1984-6746.2015.1.20144
Seção
Ética e Filosofia Política