A psicodinâmica do reconhecimento no trabalho de enfermagem

  • Elisete Soares Traesel Centro Universitário Franciscano
  • Álvaro Roberto Crespo Merlo UFRGS
Palavras-chave: Psicodinâmica, reconhecimento, enfermagem

Resumo

Este artigo busca apresentar os resultados de um estudo da psicodinâmica do reconhecimento no contexto dos trabalhadores da enfermagem. A pesquisa, realizada com um grupo de enfermeiros de um hospital do interior do Rio Grande do Sul, teve o intuito de analisar, a partir da perspectiva da Psicodinâmica do Trabalho, a eficácia das formas de reconhecimento conferidos nesta profissão, como forma de contribuir para a preservação da saúde mental, considerando que, por meio do reconhecimento, o sofrimento no trabalho pode ser transformado em prazer e realização. Constatou-se que há uma restrição de tempo e espaço para discussão, convivência e relacionamento, limitando a expressão do reconhecimento e a visibilidade das contribuições à organização. Observou-se, também, que o reconhecimento mais esperado é o do paciente, que também é obstruído pelo distanciamento do mesmo, associado às novas demandas da profissão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Elisete Soares Traesel, Centro Universitário Franciscano
Mestre em Psicologia Social e Insitucional pela UFRGS, Professora do Curso de Psicologia do Centro Universitário Franciscano e co-coordenadora do Laboratório de Psicodinâmica do Trabalho (UFRGS/UNIFRA-CNPq).
Álvaro Roberto Crespo Merlo, UFRGS
Médico do Trabalho. Doutor em sociologia pela Université Paris 7. Professor Associado da Faculdade de Medicina da UFRGS, do Programa de Pós-Graduação em Psicologia Social e Institucional/UFRGS, do Programa de Pós-Graduação em Epidemiologia/UFRGS. Professor médico-assistente do Ambulatório de Doenças do Trabalho do Hospital de Clínicas de Porto Alegre. Pesquisador do CNPq. Coordenador do Laboratório de Psicodinâmica do Trabalho (UFRGS/UNIFRA-CNPq).
Publicado
2009-04-16
Como Citar
Traesel, E. S., & Merlo, Álvaro R. C. (2009). A psicodinâmica do reconhecimento no trabalho de enfermagem. Psico, 40(1). Recuperado de https://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/revistapsico/article/view/3594
Seção
Artigos