Aspectos psicossociais da vivência da soropositividade ao HIV nos dias atuais

  • Alessandra Ramos Castanha UFPB
  • Maria da Penha de Lima Coutinho UFPB
  • Ana Alayde Werba Saldanha UFPB
  • Cristiane Galvão Ribeiro UFPB
Palavras-chave: Psicologia

Resumo


Esta pesquisa objetivou compreender os aspectos psicossociais da vivência da soropositividade e suas conseqüências na vida diária. Participaram da amostra 13 sujeitos soropositivos para o HIV de ambos os sexos, com média de idade de 37 anos. Foi utilizada a técnica de entrevista em profundidade. O material foi categorizado pela análise de conteúdo temática de Bardin (1977). Os dados possibilitaram representações que ultrapassaram o aspecto biológico e atingiram o aspecto psicossocial (o preconceito, a segregação e o estigma). Essas representações influenciam e orientam as condutas destes atores sociais seja em relação à adesão, ao isolamento, a manutenção das relações interpessoais e ao funcionamento sexual. A Aids foi representada enquanto uma doença que pode trazer inúmeras conseqüências psicossociais, profissionais, familiares e orgânicas. Conclui-se na necessidade de formulação de estratégias na implementação de políticas públicas de educação e promoção em saúde com o intuito de minimizar o impacto psicossocial da Aids.
Palavras-chave: Aspectos psicossociais; vivência em HIV/Aids; soropositividade ao HIV/Aids.
ABSTRACT
Psychosocial aspects of the experience of being a HIV serum-positive in the current days
This research had as objective to understand the psychosocial aspects of the experience of being a serum-positive and its consequences in the daily life. Thirteen HIV serum-positive persons of both male and female genders and with average age of 37 years participated in this sampling. It was utilized the technique of deep interview. The material was categorized by the Bardin’s analysis of thematic content (1977). The data made it possible to construct representations that overtaken the biological side and reached the psychosocial issue (the prejudice, the segregation and the stigma). These representations influence and orient the conduct of these social actors in relation to adhesion, isolation, the maintenance of inter-personal relations and the sexual function. AIDS was represented as a disease that can cause many psychosocial, professional, family and organic consequences. In conclusion, it is necessary the conception of strategies for the implementation of public policies of education and promotion in health with the aim of decreasing the psychosocial impact of AIDS.
Key words: Psychosocial aspects; experience in HIV/Aids; being a hiv serum-positive.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alessandra Ramos Castanha, UFPB
http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.jsp?id=K4787090J6
Publicado
2006-07-31
Como Citar
Castanha, A. R., Coutinho, M. da P. de L., Saldanha, A. A. W., & Ribeiro, C. G. (2006). Aspectos psicossociais da vivência da soropositividade ao HIV nos dias atuais. Psico, 37(1). Recuperado de https://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/revistapsico/article/view/1411
Seção
Artigos