Jornalismo e informação de interesse público

  • Marcia Benetti Machado Universidade Federal do Rio Grande do Sul
  • Fabiane Moreira Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Palavras-chave: Jornalismo, interesse público, direito à informação

Resumo

Este artigo traz os resultados de pesquisa realizada junto a 52 profissionais que atuam nas assessorias e nos meios de comunicação públicos em todo o país, buscando traçar o perfil da atividade e suas perspectivas. O grupo pesquisado integra a Rede Brasileira de Comunicação Pública, sendo formado em sua maioria por jornalistas, neste trabalho denominados “jornalistas públicos”. A partir do conceito de comunicação pública, discutimos a comunicação dos órgãos públicos brasileiros sob o ponto de vista do interesse público e do direito à informação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcia Benetti Machado, Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Doutora em Comunicação e Semiótica pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2000), mestre em Comunicação Social pela Universidade Metodista de São Paulo (1994) e graduada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Maria (1988). Professora associada da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e do PPGCOM/UFRGS (Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Informação). Pesquisadora do CNPq - Bolsa Produtividade nível 2. Líder do grupo de pesquisa Núcleo de Pesquisa em Jornalismo - UFRGS/CNPq. Diretora Científica da SBPJor (Associação Brasileira de Pesquisadores em Jornalismo) de 2006 a 2009. Coordenadora do PPGCOM/UFRGS de 2007 a 2008. Diretora da Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação da UFRGS de 2001 a 2004.
Fabiane Moreira, Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Mestranda em Comunicação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Referências

BOBBIO, Norberto. Teoria Geral da Política: a filosofia política e as lições dos clássicos. Rio de Janeiro: Campus, 2000.

CAMARGOS, Maurício. A comunicação pública entre o mar e o rochedo. In: OLIVEIRA, Maria José (org.). Comunicação Publica. Campinas: Alíneas, 2004.

GENTILLI, Vitor. O conceito de cidadania, origens históricas e bases conceituais: os vínculos com a Comunicação. Revista Famecos. Porto Alegre, n. 19, dez. 2002.

KARAM, Francisco José. Jornalismo, ética e liberdade. São Paulo: Summus, 1997.

KEINERT, Tânia Margarete Mezzomo. Administração Pública no Brasil: crises e mudanças de paradigmas. São Paulo: Annablume; Fapesp, 2000.

MARTINS FILHO, Ives Gandra. O princípio ético do bem comum e a concepção jurídica de interesse público. Disponível em: www.jus.com.br/doutrina/texto.asp?id=11 Acesso em: 12 abr. 2005.

MATOS, Heloiza. Comunicação Pública, Democracia e Cidadania: o caso do Legislativo. Líbero: revista acadêmica de pós-graduação. São Paulo, v. 2, n. 3-4, 1999.

OLIVEIRA, Maria José. Comunicação Pública e os Setores Não-estatais. In: OLIVEIRA, Maria José (org.). Comunicação Pública. Campinas: Alínea, 2004.

SANTOS, Rogério. A negociação entre jornalistas e fontes. Coimbra: Minerva, 1997.

SILVA, Luiz Martins da. Jornalismo Público: o social como valor-notícia. In: FRANÇA, Vera (org.). Estudos de Comunicação. Porto Alegre: Sulina, 2003.

TRAQUINA, Nelson. O Estudo do Jornalismo no Século XX. São Leopoldo: Unisinos, 2001.

TRAQUINA, Nelson. Teorias do Jornalismo: porque as notícias são como são. Florianópolis: Insular, 2004.

TEIJEIRO, Carlos Alvarez. Fundamentos Teóricos del Public Journalism. Colección Cuadernos Australes de Comunicación. Facultad de Ciencias de la Información. Buenos Aires: Universidad Austral, 1999.

VIEIRA, Liszt. Os Argonautas da Cidadania: a sociedade civil e a globalização. Rio de Janeiro: Record, 2001.

WOLF, Mauro. Teorias da Comunicação. 5. ed. Lisboa: Presença, 1999

Publicado
2008-04-13
Como Citar
Benetti Machado, M., & Moreira, F. (2008). Jornalismo e informação de interesse público. Revista FAMECOS, 12(27), 117-124. https://doi.org/10.15448/1980-3729.2005.27.3328
Seção
Jornalismo