Conversações fluidas na cibercultura

2017-08-14

O artigo dos pesquisadores Alex Primo, Vanessa Valiati, Ludmila Lupinacci e Laura Barros (UFRGS) visa estudar como o amplo leque de serviços de comunicação online participa da criação e manutenção de relações interpessoais na contemporaneidade. O trabalho investiga como entrelaçamento entre os usos de diferentes plataformas digitais vem transformando as práticas de sociabilidade e as conversações no contexto da cibercultura, a partir da articulação de perspectivas teóricas e empíricas sobre tais temas. Atenção especial é conferida a como as pessoas se apropriam desses serviços, combinando-os para atingir variados fins relacionais com públicos diversos e em tempos e lugares distintos. A partir de uma pesquisa empírica com 810 pessoas — residentes nas regiões Sul e Sudeste, maiores de 16 anos e com pelo menos o Ensino Superior Incompleto —, este artigo define e discute o fenômeno que chama de “conversações fluidas”. Leia o texto completo no link abaixo. 

http://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/revistafamecos/article/view/24597/15011