No tempo das borboletas: dialética artística e histórica

  • Elize Huegel Pires Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul PUCRS
Palavras-chave: artigo, metaficção historiográfica, história, subjetividade, subversão

Resumo

A discussão acerca da relação entre história e literatura é o principal foco desse trabalho que tem como objeto de análise literária a obra da escritora norteamericana, com ascendência dominicana, Julia Alvarez No tempo das borboletas. Para isso, foi utilizado o referencial teórico proposto por Linda Hutcheon que propõe uma poética do pós-modernismo, através da relação entre história, teoria e ficção. Sendo assim, a análise se volta para aspectos que revelam o papel subversivo da metaficção historiográfica, enfatizando a construção do discurso literário a partir do testemunho de fatos históricos, revelados por meio da subjetividade feminina das personagens-narradoras.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Elize Huegel Pires, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul PUCRS
Mestranda em Letras, ênfase Teória Literária.
Publicado
2010-12-21
Como Citar
Huegel Pires, E. (2010). No tempo das borboletas: dialética artística e histórica. Letrônica, 3(1), 291-299. Recuperado de https://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/letronica/article/view/7064