A aprendizagem de língua estrangeira nos anos iniciais do Ensino Fundamental

  • Ivana Kátia de Souza Ferreira PUCRS
  • Liliana Fraga dos Santos
Palavras-chave: Aprendizagem de LE/L2, Alfabetização/Letramento, Período Crítico, Crianças.

Resumo

Resumo: Este artigo tem o objetivo de incentivar a inserção de língua estrangeira (LE)/segunda língua (L2) nos currículos de anos iniciais, ou seja, de 1º a 5º anos, de escolas de educação básica, buscando justificá-la. Para tanto, trazemos alguns autores que, baseados em seus estudos, corroboram a ideia de que, sob diversos pontos de vista, é muito frutífera tal aprendizagem nessa faixa etária em que se encontram os alunos. A partir da revisão bibliográfica realizada, concluímos que a inserção de uma LE nos primeiros anos do ensino fundamental não é prejudicial ao processo de alfabetização/letramento em língua materna.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ivana Kátia de Souza Ferreira, PUCRS
Linguística
Publicado
2010-10-08
Como Citar
Ferreira, I. K. de S., & dos Santos, L. F. (2010). A aprendizagem de língua estrangeira nos anos iniciais do Ensino Fundamental. Letrônica, 3(1), 128-141. Recuperado de https://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/letronica/article/view/6930
Seção
Linguística Tópico 2: Bilinguismo; Aquisição de segunda língua