A Teoria da Argumentação na Língua no ensino de compreensão leitora: uma possibilidade de transposição didática

Palavras-chave: Educação, Aprendizagem de língua, Compreensão leitora, Semântica Argumentativa, Transposição e transformação didática.

Resumo

Este estudo teve como principal objetivo a elaboração de uma proposta de transposição didática de alguns conceitos da Teoria da Argumentação na Língua, de Oswald Ducrot, Jean-Claude Anscombre e Marion Carel, com vistas a fornecer subsídios para que estudantes do Ensino Superior aperfeiçoem o desenvolvimento das habilidades de compreensão leitora dos articuladores mas e embora. Partimos da hipótese de que um número significante de universitários ainda precisa aprimorar suas habilidades linguístico-discursivas, para serem proficientes no uso do código escrito, suporte no alcance de seus objetivos de vida. A linguística saussuriana e a Teoria da Argumentação na Língua forneceram subsídios para a descrição semântica dos articuladores mas e embora. Os estudos sobre transposição didática, de Chevallard e Álvarez, foram redimensionados para a proposta de transformação didática, elaborada por Azevedo, visto que a aprendizagem de uma língua pressupõe o desenvolvimento de habilidades e não a formação de conceitos. Acreditamos que a partir desta proposta, novos direcionamentos metodológicos poderão ser pensados em relação ao desenvolvimento das habilidades pressupostas pela compreensão em leitura em diferentes níveis de ensino.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Luciana Idiarte Soares Falkenbach, Universidade de Caxias do Sul Instituto de Desenvolvimento do Alto-Uruguai - Faculdades IDEAU Faculdade de Serra Gaúcha (FSG)
Mestra em Educação pela Universidade de Caxias do Sul. Professora no Instituto de Desenvolvimento do Alto-Uruguai-Faculdades IDEAU e na Faculdade da Serra Gaúcha.
Tânia Maris de Azevedo, Universidade de Caxias do Sul
Doutora em Letras – Linguística Aplicada. Professora pesquisadora no Programa Doutorado em Letras – Associação Ampla UCS/Uniritter e no Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade de Caxias do Sul.

Referências

ALVAREZ, Teodoro. Didáctica del texto en la formación del professorado. Madri: Síntesis, 2005.

AZEVEDO, Tânia Maris de; ROWELL, Vania Morales. Uma proposta de língua materna instrumental para o Ensino Fundamental. In: Congresso Lat ino Amer icano sobre for mação de línguas / Encontro Catar inense de for mação de pro fessores de línguas , I., 2006, Florianópolis-SC. Anais do ... Florianópolis: UFCS, 2006. 1 CD.

AZEVEDO, Tânia Maris de. Em busca do sentido do discurso: a semântica argumentativa como uma possibilidade para a descrição do sentido do discurso. Caxias do Sul: EDUCS, 2006.

AZEVEDO, Tânia Maris de. Transposição didática de gêneros discursivos: algumas reflexões. Desenredo, Passo Fundo, v. 6, n. 2, p. 198-214, jul./dez. 2010.

AZEVEDO, Tânia Maris de. O discurso didático: testagem de um modelo para descrição do sentido pela Semântica Argumentativa. Revista de Letras, Fortaleza, v. 1/2, n. 31, p. 72-82, jan./dez. 2012.

AZEVEDO, Tânia Maris de. Por uma aprendizagem significativa da língua materna: o ensino fundamentado em Saussure e Ausubel. Nonada Letras em Revista, Porto Alegre, v. 1, n. 22, p. 192-212, 2013.

AZEVEDO, Tânia Maris de. Ler “vendo” vozes: a polifonia no discurso. Educação Unisinos. São Leopoldo, v. 18, n. 3, p. 249-257, set./dez. 2014.

AZEVEDO, Tânia Maris de. Polifonia linguística: uma proposta de transposição didática para o ensino da leitura. Letras de Hoje, Porto Alegre, v. 51, n.1, p. 73-81, jan./mar. 2016a.

AZEVEDO, Tânia Maris de. Encadeamentos argumentativos, relações sintagmáticas e associativas: reflexões sobre o ensino da leitura. Antares. Caxias do Sul, v. 8, n. 15, p. 48-65, jan./jun. 2016b.

CAREL, Marion; DUCROT, Oswald. Atualização da polifonia. Desenredo, Passo Fundo, v. 6, n. 1, p. 9-21, jan./jun. 2010.

CHEVALLARD, Yves. La transposición didáctica: del saber sábio al saber enseñado. Buenos Aires: Aique Grupo, 2005.

DUCROT, Oswald. Les mots du discours. Paris: Minuit, 1980.

DUCROT, Oswald. Provar e dizer: linguagem e lógica. São Paulo: Global, 1981.

DUCROT, Oswald. Enunciação. In: Enciclopédia EINAUDI: Linguagem – Enunciação. Lisboa: Imprensa Nacional-Casa da Moeda, 1984. v. 2, p. 368-393.

DUCROT, Oswald. O dizer e o dito. São Paulo: Pontes, 1987.

DUCROT, Oswald. Argumentação e “topoi” argumentativos. In: GUIM ARÃES, Eduardo (Org.). História e sentido na linguagem. Campinas: Pontes, 1989.

DUCROT, Oswald; VOGT, Carlos. De magis a mas: uma hipótese semântica. In: VOGT, Carlos. Linguagem, pragmática e ideologia. São Paulo: HUCITEC, 1989.

DUCROT, Oswald; VOGT, Carlos. Polifonia y argumentación – conferencias del seminario Teoría de la Argumentación y Análisis del Discurso. Cali, Universidad del Valle, 1990.

DUCROT, Oswald; VOGT, Carlos. Os internalizadores. Tradução de Leci Borges Barbisan. Letras de Hoje, Porto Alegre v. 37, n. 3, p. 7-26, 2002.

DUCROT, Oswald; VOGT, Carlos. Los bloques semânticos y el cuadrado argumentativo: conferencia 2. In: CAREL, Marion; DUCROT, Oswald. La semántica argumentativa: una introducción a la teoria de los bloques semânticos. Edição literária e tradução de María Marta G. Negroni e Alfredo M. Lescano. Buenos Aires: Colihue, 2005. p. 27-50.

FLORES, Valdir do Nascimento (Org.) et al. Dicionário de linguística da enunciação. São Paulo: Contexto, 2009.

PETITJEAN, André. Importância e limites da noção de transposição didática para o ensino do francês. Tradução de Ana Paula Guedes e Zélia Anita Viviani. Fórum Linguístico, v. 13, n. 1, p. 71-99, jan./jun. 2010.

SAUSSURE, Ferdinand de. Curso de lingüística geral. 27. ed. São Paulo: Cultrix, 2006.

SAUSSURE, Ferdinand de. Escritos de lingüística geral. (Editado por S. Bouquet e R. Engler). São Paulo: Cultrix, 2004.

TOLDO, Cláudia Stumpf. A relação entre palavra e imagem no texto publicitário: linguagens que argumentam. Letras de Hoje, Porto Alegre, v. 37, n. 3, p. 149-162, set. 2002.

Publicado
2018-07-19
Como Citar
Falkenbach, L. I. S., & de Azevedo, T. M. (2018). A Teoria da Argumentação na Língua no ensino de compreensão leitora: uma possibilidade de transposição didática. Letrônica, 11(2), 169-180. https://doi.org/10.15448/1984-4301.2018.2.28630