Fenomenologia e Psicologia da Criança: Merleau-Ponty e Winnicott

  • Litiara Kohl Dors Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE.
Palavras-chave: Merleau-Ponty, Fenomenologia, Winnicott, Psicanálise, Criança

Resumo

O artigo visa explorar alguns pontos de convergência entre as posições do fenomenólogo francês Maurice Merleau-Ponty e o pediatra e psicanalista inglês Donald Winnicott em relação ao tema da intersubjetividade e da criança. Ao propor as bases para uma ontologia da “carne”, Merleau-Ponty procura mostrar que não há limites definidos entre interior ou exterior. Há um campo perceptivo de intersecção, isto é, uma zona de reversibilidade e permeabilidade. A Carne exprime, portanto, o meio formador do sujeito e do objeto. Ora, esse nível de experiência da Carne como um Ser indivisível parece bem ser o pano de fundo pelo qual Winnicott aborda o espaço transicional como uma zona intercambiável, sem fronteiras rígidas entre o eu e o não-eu. Nessa perspectiva winnicottiana, o início da vida deixa de ser uma relação dual entre mãe e bebê. Ambos interagem num só “espaço”, num só meio recíproco de relações carnais, desconstruindo, portanto, qualquer posição solipsista.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Litiara Kohl Dors, Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE.
Possui graduação em Psicologia pela Universidade Paranaense - UNIPAR, Pós-Graduada em Administração em Recursos Humanos pela Pontifícia Universidade Católica (PUC-PR). Mestre em Filosofia pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná. Atuou como docente do Curso de Administração e Ciências Contábeis no Centro de Ensino Superior de Realeza - CESREAL entre 2008 e 2012 e no curso de Psicologia da PUC-PR - Campus Toledo entre os anos de 2012 e 2014. Possui experiência em Psicologia com ênfase em Psicologia Clínica e Psicologia Social.
Publicado
2016-08-30
Como Citar
Dors, L. K. (2016). Fenomenologia e Psicologia da Criança: Merleau-Ponty e Winnicott. Intuitio, 9(1), 82-97. https://doi.org/10.15448/1983-4012.2016.1.22579
Seção
Artigos