O dilema da universalidade e financiamento público do Sistema Único de Saúde no Brasil

  • Christian Luiz da Silva UTFPR
  • Cristiano Vieira Rotta UTFPR
Palavras-chave: Sistema Único de Saúde. Saúde pública. Economia da saúde. Política de saúde.

Resumo

O Sistema Único de Saúde, como política pública, marca na historia social do país como uma luta por melhores condições sociais, por mudanças ideológicas e culturais, por revelar-se uma ação pública mais includente da historia brasileira contemporânea. O objetivo do artigo foi avaliar o dilema entre a universalidade do SUS frente a sua dificuldade de financiamento público. Nessa abordagem, e no contexto da realidade brasileira, coube refletir neste artigo sobre os discursos referentes aos gastos públicos da saúde, principalmente sobre a relação destes dispêndios com os cuidados da saúde de forma a assegurar o cumprimento dos princípios basilares do SUS mediante a garantia do financiamento.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Christian Luiz da Silva, UTFPR
Prof. Dr. Christian Luiz da Silva Programa de Pós-graduação em Planejamento e Governança Pública - PGP/ UTFPR Departamento de Gestão e Economia - DAGEE/ UTFPR Programa de Pós-graduação em Tecnologia - PPGTE/ UTFPR Coordenador da Rede Social - www.soucidadao.com (Políticas Públicas) Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/8046559694932152
Cristiano Vieira Rotta, UTFPR
Mestrando em planejamento e governança pública pela UTFPR
Publicado
2012-12-28
Como Citar
da Silva, C. L., & Rotta, C. V. (2012). O dilema da universalidade e financiamento público do Sistema Único de Saúde no Brasil. Textos & Contextos (Porto Alegre), 11(2), 333 - 345. Recuperado de https://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/fass/article/view/12126
Seção
Política de saúde: gestão e formação