Manuel Bandeira e a poesia modernista

  • Mara Ferreira Jardim FAPA
Palavras-chave: Manuel Bandeira, Lírica modernista, Linguagem brasileira, Identidade Nacional

Resumo

Manuel Bandeira tem sido considerado pela crítica o introdutor do verso livre na poesia brasileira e o precursor de nossa lírica modernista. O autor, entretanto, não parece levar em consideração essa posição que lhe é conferida. O objetivo deste artigo é discutir a questão e apresentar características da poesia banderiana que o colocam na linha de frente do movimento modernista brasileiro.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Como Citar
Jardim, M. F. (2011). Manuel Bandeira e a poesia modernista. Letras De Hoje, 46(2), 37-42. Recuperado de https://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/fale/article/view/9491
Seção
A Lírica Moderna: do Romantismo à Contemporaneidade