O momento hipertextual

  • David S. Miall
Palavras-chave: Hypertexto, Leitura do texto literário, Hiperficção

Resumo

O hipertexto pode representar um novo future para a textualidade. Por ontro lado, o hypertexto parece sofrer limitações em função de suas origens em um contexto de processamento de dados. Essa limitação torna questionável algumas propostas pós modernas sobre o hipertexto. Com o objetivo de supervalorizá-lo culturalmente, seus proponentes frequentemente representam de forma caricaturada as práticas anteriores de literatura impressa, enquanto os processos de leitura são descaracterizados e o mecanismo do hipertexto privilegiado em relação ao seu conteúdo. As ficções hipertextuais tendem a desabilitar os processos antecipatórios e construtivos dos leitores do texto literário e reduzem a narrativa à informação. A confusão a respeito da utilidade do hipertexto sugere que o seu momento pode bem ter sido superado.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Como Citar
Miall, D. S. (2010). O momento hipertextual. Letras De Hoje, 45(2). Recuperado de https://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/fale/article/view/7523
Seção
Hipertexto, Literatura, Ensino