Television as total practices and liberalization of distinctions: The Ukrainian case

  • Natalia Kostenko
Palavras-chave: Diferenciação sócio-cultural do público, Mídia política, Análise de conteúdo de Tv

Resumo

Os efeitos simultâneos de duas tendências opostas são peculiares à televisão ucraniana, bem como para a maioria dos meios de comunicação nacionais. Em primeiro lugar, a comunicação assume mais e mais caráter universal, devido à expansão do acesso aos meios de comunicação social e à padronização do conteúdo. Ao mesmo tempo, distinções de comunicação cultural, social e política se libertam como resultado da influência da mídia no mercado. Ambas as tendências apresentam contradições internas e ações contrárias. A óbvia heterogeneidade das preferências do telespectador opõe o efeito do entretenimento total da realidade da mídia e o potencial de resistência do público ucraniano, assim como o baixo grau de confiança nas mídias políticas opõe controle total sobre as preferências dos telespectadores. Pareceria que a articulação de distinções corresponde ao verdadeiro estilo de vida da população, mas, na verdade, torna-se uma fixação da divisão tradicionalmente estabelecida entre públicos culturalmente competentes e não-demandantes, um reforço ao pluralismo “mecânico” estabelecido pela mídia empresarial. A situação da mídia ucraniana é considerada a partir dos resultados das pesquisas sociológicas realizadas pelo Instituto de Sociologia da Academia Nacional de Ciências da Ucrânia, entre 2000 e 2007. Palavras-chave: Diferenciação sócio-cultural do público; Mídia política; Análise de conteúdo de Tv

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2009-10-20
Como Citar
Kostenko, N. (2009). Television as total practices and liberalization of distinctions: The Ukrainian case. Civitas - Revista De Ciências Sociais, 9(1), 36-49. https://doi.org/10.15448/1984-7289.2009.1.5542