Bioética em tempos de pandemia: Testes clínicos com Cloroquina para tratamento de COVID-19

Palavras-chave: Bioética, COVID-19, pandemia, ética em pesquisa, novos medicamentos, políticas públicas na área da saúde

Resumo

Defendemos a necessidade de que se atue com rigor ético durante a pandemia do novo coronavírus e que não se afrouxem os padrões científicos e normativos nas pesquisas sobre possíveis medicamentos, em especial a Cloroquina, para a COVID-19. Argumentamos que, excepcionalmente, seria justificado pular algumas etapas na realização de testes clínicos ou tratamentos experimentais, mas que é inadequado fazer um uso indiscriminado de medicamentos off label para tratar pacientes enquanto os resultados das pesquisas não forem publicados em veículos de comprovada reputação científica. Para sustentar essa posição, aplicamos princípios bioéticos e da ética médica. Defendemos que políticas públicas para o uso de Cloroquina durante a pandemia não devem ser implementadas até que sejam divulgados os resultados das pesquisas realizadas pela “Coalizão COVID Brasil” e pela Solidarity da OMS (Organização Mundial da Saúde).

              

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alcino Eduardo Bonella, Universidade Federal de Uberlândia (UFU), Uberlândia, MS.

Professor na Universidade Federal de Uberlândia (UFU) em Uberlândia, MS, Brasil. Pesquisador do CNPq.

Marcelo de Araujo, Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), Rio de Janeiro, RJ.

Doutor em Filosofia pela Universidade de Konstanz (Alemanha). Professor Associado de Ética da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) no Rio de Janeiro, RJ, Brasil e professor Associado IV de Filosofia do Direito da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Rio de Janeiro, RJ, Brasil. Pesquisador do CNPq.

Darlei Dall’Agnoll, Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Florianópolis, SC.

Doutor em Filosofia na University of Bristol. Professor titular da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em Florianópolis, SC, Brasil, Pesquisador do CNPq.

Referências

AZEVEDO, Marco. The Precautionary Principle. In: DOMINGUES, I. Biotechnologies and the Human Condition.

Belo Horizonte: Editora UFMG, 2012.

BEAUCHAMP, T.; CHILDRESS, J. Principles of Biomedical Ethics. 7. ed. Oxford: Oxford University Press, 2016.

DALL’AGNOL. Bioética. 2. ed. Rio de Janeiro: Zahar, 2015.

DOMINGUES, I. Biotechnologies and the Human Condition. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2012.

Publicado
2020-07-27
Como Citar
Bonella, A. E., Araujo, M. de, & Dall’Agnoll, D. (2020). Bioética em tempos de pandemia: Testes clínicos com Cloroquina para tratamento de COVID-19. Veritas (Porto Alegre), 65(2), e37991. https://doi.org/10.15448/1984-6746.2020.2.37991
Seção
Varia