A paleta tecno-poética audiovisual de Peter Greenaway

  • Márcia Carvalho Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Palavras-chave: Cinema, Tecnologia, Linguagem audiovisual

Resumo

Nesse artigo, examino o filme A última tempestade (1991) de Peter Greenaway na busca de um entendimento histórico da contribuição das novas tecnologias na produção audiovisual. Trata-se de um estudo sobre autoria, processos e linguagens em mídias audiovisuais que podem promover novas formas de representação e diferentes processos comunicacionais a partir da Convergência das Artes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Márcia Carvalho, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo

Professora da Faculdade Paulus de Tecnologia e Comunicação (FAPCOM) e da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUCSP).

Referências

AUMONT, Jacques. O olho interminável: cinema e pintura. São Paulo: Cosac & Naify, 2004.

______. A estética do filme. Campinas: Papirus, 1995.

AUMONT, Jacques. A Imagem. Campinas: Papirus, 1993.

BELLOUR, Raymond. Fragmentos de um arquipélago. Revista Imagens, Campinas, n. 3, p. 20-27, dez. 1994.

BENTES, Ivana. Greenaway e a estilização do caos. In: BENTES, Ivana (Org.) Ecos do cinema: de Lumière ao digital. Rio de Janeiro: UFRJ, 2007.

BURCH, Noel. Práxis do cinema. São Paulo: Perspectiva (Debates), 1992.

DUBOIS, Philippe. Cinema, vídeo, Godard. São Paulo: Cosac & Naify, 2004.

EISENSTEIN, Sergei. A forma do filme. Rio de Janeiro: Zahar, 1990.

______. O sentido do filme. Rio de Janeiro: Zahar, 1990.

FELINTO, Erick. Cinema e tecnologias digitais. In: MASCARELLO, Fernando (Org.). História do cinema mundial. Campinas: Papirus, 2006.

GARCIA, Wilton. Peter Greenaway em dois eixos: Barroco e multimeio. Revista Brasileira de Ciências da Comunicação, São Paulo, n. 1, p. 97-109, jan./jun. 1999.

JENKINS, Henry. Cultura da convergência. 2. ed. São Paulo: Aleph, 2009.

LÉVY, Pierre. As tecnologias da inteligência. São Paulo: 34, 1993.

LUCA, Luiz Gonzaga Assis de. Cinema digital: um novo cinema? São Paulo: Imprensa Oficial, 2004.

MOURÃO, Maria Dora. Greenaway e as influências das novas tecnologias na linguagem cinematográfica. In: MACIEL, Maria Esther (Org.). O cinema enciclopédico de Peter Greenaway. São Paulo: Unimarco, 2004.

______. Entrevista: cinema e novas tecnologias. Conversa com Peter Greenaway. In: MACIEL, Maria Esther (Org.). O cinema enciclopédico de Peter Greenaway. São Paulo: Unimarco, 2004.

NUNES, Pedro. As relações estéticas no cinema eletrônico. Maceió: UFPB-UFAL, 1996.

PARENTE, André. A imagem virtual, auto-referente. Revista Imagens, Campinas, n. 3, p. 15-19, dez. 1994.

______. (Org.). Imagem máquina. Rio de Janeiro: 34, 1993.

RAMOS, Fernão Pessoa. Falácias e deslumbre face à imagem digital. Revista Imagens, Campinas, n. 3, p. 28-33, dez. 1994.

PIGNATARI, Décio. Semiótica da montagem. Revista Através, São Paulo, n. 1, p. 14-26, 1982/1983.

PLAZA, Júlio. Info x foto: grafias. Revista Imagens, Campinas, n. 3, p. 50-55, dez. 1994.

SANTAELLA, Lúcia. Cultura das mídias. São Paulo: Experimento, 1996.

______. Imagem pré-fotográfica-pós. In: Imagens. Campinas: Unicamp, n. 3, p. 34-40, 1994.

SHAKESPEARE, William. A tempestade. São Paulo: L&PM, 2002.

VANOYE, Francis; GOLIOT-LÉTÉ, Anne. Ensaio sobre a análise fílmica. Campinas: Papirus, 1994.

WÖLFFLIN, Heinrich. Conceitos fundamentais da história da arte. São Paulo: Martins Fontes, 1984.

XAVIER, Ismail. O discurso cinematográfico: a opacidade e a transparência. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1984.

______ (Org.). A experiência do cinema: antologia. Rio de Janeiro: Graal/Embrafilme, 1983.

Como Citar
Carvalho, M. (2013). A paleta tecno-poética audiovisual de Peter Greenaway. Revista FAMECOS, 20(2), 296-309. https://doi.org/10.15448/1980-3729.2013.2.15085
Seção
Cinema