Um sidur para Saramago

De orações e personagens n’O evangelho segundo Jesus Cristo

Palavras-chave: José Saramago, Intertextualidade, Judaísmo, Personagens

Resumo

N’O evangelho segundo Jesus Cristo, publicado em 1991, Saramago coloca orações judaicas na boca das suas personagens, como aquela, presente no Talmude, segundo a qual um homem deveria agradecer por não ser mulher. Neste trabalho busco analisar o modo como essas orações e outros textos judaicos são recuperados e trabalhados na narrativa, servindo para a construção das personagens, dos seus hábitos, da sua cultura e da sua religião. Como ocorre com a intertextualidade do romance com o texto bíblico, mais conhecida e estudada, a utilização dessas referências não é pacífica: Saramago busca, por exemplo, rever o lugar de subalternidade da mulher no tempo e espaço retratados. Procuro analisar a abordagem simultaneamente crítica, histórica e ficcional desses intertextos, que não deixam de ser valorizados por outras razões, como o seu caráter poético. Abordo, ainda, a maneira como esse diálogo pôde ser explorado por Saramago graças à ajuda e ao sidur de Sam Levy, uma figura importante para a história deste romance.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Sara Grünhagen, Université Sorbonne Nouvelle, Paris, França; Universidade de Coimbra, Coimbra, Portugal.

Doutora em Literatura Portuguesa pela Université Sorbonne Nouvelle, em cotutela com a Universidade de Coimbra. Leciona na Université Sorbonne Nouvelle, em Paris, França.

Referências

ASSOR, Miriam. Judeus ilustres de Portugal. Lisboa: A Esfera dos Livros, 2014.

BÍBLIA SAGRADA. Lisboa: Difusora Bíblica, 1976. Versão portuguesa preparada a partir de textos originais pelos Rev. Padres Capuchinhos.

BRIDI, Marlise Vaz . O evangelho de Saramago: paixão de Cristo em perspectiva. In: LOPONDO, Lilian (org.). Saramago segundo terceiros. São Paulo: Humanitas. 1998. p. 111-130.

CERDEIRA, Teresa Cristina. O avesso do bordado: ensaios de literatura. Lisboa: Caminho, 2000.

COHEN, Dov. Uma aproximação à atividade literária do Capitão Barros Basto. Cadernos de Estudos Sefarditas, Lisboa, v. 18, p. 61-98, 2018.

DANBY, Herbert (org.). The Mishnah. Nova York: OUP, 1933.

ELIZALDE, Rosa Miriam. José Saramago: Cuba irradia solidaridad. Cubadebate, 19 jun. 2005. Disponível em:

http://www.cubadebate.cu/opinion/2005/06/19/jose-saramago-cuba-irradia-solidaridad. Acesso em: 10 set. 2020.

GENETTE, Gérard. Palimpsestes: la littérature au second degré. Paris: Seuil, 1982.

GORDON, Martin L. Netilat Yadayim Shel Shaharit: Ritual of Crisis or Dedication? Gesher: Yeshiva University Journal of Jewish Studies, Nova York, v. 8, p. 36-72, 1981.

GRAMSCI, Antonio. Cadernos do cárcere. Tradução de Luiz Sérgio Henriques. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2002. v. 5.

GRÜNHAGEN, Sara. A cor dos cabelos de Deus: intertextualidade, intermidialidade e metalepse em José Saramago. 2021. Tese (Doutoramento em Literatura Portuguesa) em cotutela – Sorbonne Nouvelle/Universidade de Coimbra, Paris/Coimbra, 2021.

GUGGENHEIMER, Heinrich W. (org.). The Jerusalem Talmud: Third Order. Berlim: Walter de Gruyter, 2005.

KAHN, Yoel. The Three Blessings: Boundaries, Censorship, and Identity in Jewish Liturgy. Nova York: OUP, 2011.

KRISTEVA, Julia. Bakhtine, le mot, le dialogue et le roman. Critique, Paris, n. 239, p. 438-465, 1967.

LEVY, André (org.). Sam Levy: humanista, 1912-1997. Lisboa: Câmara Municipal, 1999.

MACHADO, José Barbosa. Estudos de Literatura e Cultura Portuguesas. Braga: Edições Vercial, 2012. E-book.

MARX, Dalia. The Morning Ritual in the Talmud: The Reconstitution of One’s Body and Personal Identity through the Blessings. Hebrew Union College Annual, Jerusalém, v. 77, 2006. p. 103-129.

MUCZNIK, Esther. Sam Levy: história de uma reintegração. Revista de Estudos Judaicos, Lisboa, n. 4, 1998. p. 10-11.

NEWSOM, Carol. Ecclesiasticus, or the Wisdom of Jesus, son of Sirach. In: COOGAN, Michael (org.). The New Oxford Annotated Bible with the Apocrypha. 4. ed. Nova York: OUP, 2010. p. 1457-1459.

SABINE, Mark. José Saramago: History, Utopia, and the Necessity of Error. Oxford: Legenda, 2016.

SARAMAGO, José. Cadernos de Lanzarote: diário III. Lisboa: Caminho, 1996.

SARAMAGO, José. Cadernos de Lanzarote: diário V. Lisboa: Caminho, 1998.

SARAMAGO, José. O evangelho segundo Jesus Cristo. 35. ed. Porto: Porto Editora, 2016.

SARAMAGO, José. Prefácio. In: SERRA, João Domingos. Uma família do Alentejo. Lisboa: Fundação José Saramago, 2010. p. 7-13.

SCHORR, Yisroel Simcha; MALINOWITZ, Chaim (org.). Talmud Bavli: Tractate Berachos. The Schottenstein Daf Yomi Edition. The Artscroll Series. Nova York: Mesorah Publications, 2018. v. II.

SINGER, Isidore (org.). The Jewish Encyclopedia. Nova York: Funk and Wagnalls, 1906. 12 v. Disponível em: http://www.jewishencyclopedia.com. Acesso em: 10 set. 2020.

SPIVAK, Gayatri Chakravorty. In Other Worlds: Essays in Cultural Politics. Nova York: Methuen, 1987.

VIEGAS, Francisco José. Uma biografia de Jesus, segundo José Saramago. Revista Ler, Lisboa, n. 16, p. 26-34, 1991.

Publicado
2021-11-09
Como Citar
Grünhagen, S. (2021). Um sidur para Saramago: De orações e personagens n’O evangelho segundo Jesus Cristo. Letrônica, 14(3), e39113. https://doi.org/10.15448/1984-4301.2021.3.39113
Seção
Representações da Subalternidade em Épocas Passadas