Autonomia e a confiança: seriam estes conceitos inconciliáveis para Onora O’Neill?

  • Mayara Roberta Pablos Universidade Federal de Santa Catarina
Palavras-chave: Autonomia Individual, confiança, bioética.

Resumo

individual e confiança analisando uma possível relação entre ambos, conforme expresso no primeiro capítulo do livro Autonomy and Trust in Bioethcs. Para tanto, será reconstruída a argumentação da autora, por meio da qual será mostrada a compreensão que possui acerca da autonomia e da confiança. No segundo momento, passaremos a análise de se a autonomia individual e a confiança são opostas ou, antes, pressupõe-se como condição das relações entre a equipe médica e seus pacientes. Para tanto, retomaremos uma importante distinção entre julgar confiabilidade e colocar confiança, como proposto por O’Neill. Ao final, será discutido se a autora comete uma contradição ou não ao criticar a concepção de confiança fundamentada a partir da teoria moral kantiana.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Mayara Roberta Pablos, Universidade Federal de Santa Catarina
Doutoranda e mestre em Filosofia na área de Ética e Política na Universidade Federal de Santa Catarina, graduada em Filosofia pela Universidade Federal de Santa Catarina. Área de interesse: Ética, Política, Linguagem e Filosofia do Direito.

Referências

BEAUCHAMP, T. L.; CHILDRESS, J. F. Princípios de Ética Biomédica. (Trad. Luciana Pudenzi). 4ª ed., São Paulo: Edições Loyola, 2002.

FADEN, R. R., & BEAUCHAMP, T. L. (1986). A history and theory of informed consent. New York: Oxford University Press.

DWORKIN, G. The Theory and Practice of Autonomy, Cambridge University Press,1988, 6. See also his ‘The Concept of Autonomy’, in John Christman, ed., The Inner Citadel: Essays on Individual Autonomy, Oxford University Press,1989, 54-76, esp. P. 54.

KANT, Immanuel. Fundamentação da Metafísica dos Costumes. Tradução de Paulo Quintela. São Paulo, Abril Cultural, 1980.

O’NEILL. O. Autonomy and trus in bioethics. Cambridge University Press: United Kingdom, 2004.

________Construction of reasons: explorations of Kant’s Pratical philosophy. Cambridge Univertsity Press, Cambridge, 1989.

__________Em direção à justiça e à virtude: uma exposição construtiva do raciocínio prático. São Leopoldo, Editora da UNISINOS, p.272, 2006. [Original: Towards justice and virtue: A constructive account of practical reasoning. Cambridge, Cambridge University Press, 1996]

Publicado
2015-07-31
Como Citar
Pablos, M. R. (2015). Autonomia e a confiança: seriam estes conceitos inconciliáveis para Onora O’Neill?. Intuitio, 8(1), 143-156. https://doi.org/10.15448/1983-4012.2015.1.18462
Seção
Artigos